VERSÃO IMPRESSA

Emociona a morte trágica de Maysa

01:30 | 24/01/2017
1977. RIO DE JANEIRO

A cantora Maysa foi sepultada ontem, no jazigo perpétuo de sua família, no Cemitério São João Batista, Rio de Janeiro. Seu corpo foi conduzido por quase mil pessoas, entre artistas, amigos e admiradores. Ela morreu aos 40 anos de idade e sua carreira agitada começou aos 12, quando compôs sua primeira música. Seus maiores sucessos foram “Ouça” e “Meu mundo caiu”.


1977. CEARÁ


Festa do governador

Além de Roberto Carlos, é provável que o governador Adauto também traga outros artistas para as festas do segundo aniversário de sua administração em março. Chico Anísio em cogitação.

ADRIANO NOGUEIRA

TAGS