PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Novidade do Twitter com 280 caracteres revolta redes sociais

01:30 | 09/11/2017

A invasão dos 280 caracteres no Twitter não passará sem uma contraofensiva: os nostálgicos da brevidade e precisão multiplicam suas mensagens de protesto na rede social. Estes irredutíveis internautas, que resistem à duplicação do tamanho máximo dos tuítes, ativada na terça-feira, se uniram com a hashtag #140forlife, em referência ao antigo limite.

“Se você precisa de #280caracteres se conecte ao Facebook #140forlife”, escreveu @MarkPGH.

Bernard Pivot, presidente da organização literária francesa Académie Goncourt e usuário frequente da rede social, denunciou “uma reação desviacionista” do Twitter em entrevista ao jornal Le Figaro.

“Certamente com esses 280 caracteres ainda não estamos na verborreia do Facebook, mas tampouco estamos no rigor” máximo, declarou, lamentando “a facilidade” oferecida pela novo tamanha máximo dos tuítes.

A essas reflexões filosóficas, os jornalistas e programadores do site americano Slate deram uma resposta tecnológica: disponibilizaram uma extensão no navegador Google Chrome para “manter distante o terrível mundo do Twitter de 280 caracteres por mais um tempo”.

O escritor de terror americano Stephen King precisou apenas de 26 caracteres para expressar como muitos se sentiram: “280 caracteres? Foda-se isso”.