PUBLICIDADE
Jornal

Em posse, Macron promete relançar a União Europeia

15/05/2017 01:30:00
NULL
NULL
[FOTO1]

O novo presidente da França, Emmanuel Macron, prometeu ontem “devolver a confiança” aos seus compatriotas e relançar a União Europeia, em seu discurso de posse no palácio do Eliseu. “A Europa que precisamos será reformada e relançada, já que nos protege”, declarou o centrista pró-europeu de 39 anos.


Hoje, Emmanuel Macron, assim como fez seu antecessor socialista François Hollande, em 2012, viajará a Berlim para reunir-se com a chanceler alemã Angela Merkel, em sua primeira viagem oficial. Macron, europeísta fervoroso, quer impulsionar uma cooperação mais estreita com a maior economia da zona do euro para ajudar o bloco a superar a iminente saída do Reino Unido, outro de seus membros mais poderosos.


Frente aos “excessos” do mundo, “precisamos de uma Europa mais eficaz, mais democrática, mais política, pois é o instrumento de nossa força e de nossa soberania”, assegurou diante de centenas de convidados reunidos no salão de festas do Eliseu para a cerimônia de posse.


O chefe de Estado, que deve enfrentar as urnas nas difíceis eleições legislativas nas quais seu movimento político buscará a maioria absoluta para poder aplicar sua ambiciosa agenda de reformas, prometeu “unir” os franceses, cada vez mais céticos com a globalização e com a Europa.


“As francesas e os franceses que se sentem esquecidos por esse grande movimento do mundo deverão sentir-se mais protegidos”, disse ele, que ganhou com folga as eleições presidenciais apesar do resultado histórico da líder da extrema direita Marine Le Pen.


O ex-banqueiro, que nunca havia se submetido ao veredito das urnas e que conquistou o poder com um programa “nem de direitas nem de esquerdas”, prometeu reformar “profundamente a vida política” em um país dividido e com um desemprego endêmico.

Adriano Nogueira

TAGS