VERSÃO IMPRESSA

2018 e ainda ocorre isto?

01:30 | 23/01/2018


Mário Victor de Sousa

mariovictordesousa@gmail.com

Estamos em 2018. Espero que você, leitor do futuro, possa presenciar uma situação diferente da que irei contar agora. Em um passado distante a homossexualidade era algo comum, ocorria nas tribos das ilhas de Nova Guiné, Fiji e Salomão.A primeira união entre pessoas de mesmo sexo ocorreu em 1989, na Dinamarca, entretanto, houve também diversos grupos contra o relacionamento de pessoas de mesmo gênero.


Em 14 de maio de 2013, ocorreu a legalização para casamento homoafetivo no Brasil, mediante a resolução 175, porém há registros constantes de violências contra, não só o casamento, mas também a esse gênero, tal como ocorria no passado. De acordo com o jornal O Globo, a ONG Arco-Íris recebe cerca de 15 reclamações por mês de estudantes vítimas de violência nas escolas, muitas delas sofrem em silêncio ou, se procuram ajuda, não são ouvidas. Recentemente no bairro do Benfica, um jovem sofreu agressões por um grupo denominado “Skinhead”. Esse caso é uma das centenas de outros que não foram ou são relatados.
 

Urge a população preocupar-se com tal fato e também relatarem os casos às autoridades, não deixando o crime impune. O tema é clichê, porém, não há indícios de melhoras contra a violência e o preconceito. Como queremos ser uma nação desenvolvida com esses tipos de atos e pensamentos?

TAGS