PUBLICIDADE
Jornal

Por onde começar a montar a casa nova

20/05/2017 01:30:00
NULL
NULL

[FOTO1]

Quando se pretende comprar um imóvel, muitos fatores devem ser levados em consideração. O preço, a localização, se atende às necessidades dos futuros moradores, qual será o tipo de financiamento e se o valor das prestações cabe no bolso. Após isso, o sonho da casa própria vira realidade. Aí começa uma nova fase: como montar um apartamento novo, principalmente, se for o primeiro imóvel?

[SAIBAMAIS] 

A arquiteta Lara Magalhães, da Bloom Arquitetura e Design, conta que é muito procurada por clientes com a primeira casa, que estão iniciando sua vida a dois, pretendem construir uma família, mas, por questões financeiras, optam por morar de aluguel. A dica da especialista é abusar dos móveis soltos, pensando na flexibilidade e em mudanças estruturais. “A marcenaria pode ser toda projetada de uma maneira que quando houver uma mudança, o cliente possa levar a grande maioria dos móveis”.


Lara também explica que a iluminação é algo primordial. “Caso a pessoa não queira investir em obra, sugiro que opte por abajures e luminárias de piso para criar o clima mais aconchegante nos ambientes da casa nova”. Em relação à decoração, a dica da arquiteta é sempre adquirir peças atemporais, pois nunca saem de moda. “Um bom design você sempre vai carregar em qualquer imóvel que você for morar”.

[QUOTE1]

Segundo a designer de interiores Aurilene Deusdará, sócia-proprietária da DB Interiores, o primeiro passo na hora de montar seu apartamento é planejar de acordo com o espaço disponível. A dica é sempre investir em peças multiuso, como mesinhas de centro, por exemplo, que podem ser substituídas por pufs, que ganham outra função de acordo com a necessidade do dono da casa. “Integrar a sala de estar e jantar com cozinha, através de divisórias, como as de madeira com design trabalhado é outra boa dica”.


A design também aconselha a usar prateleiras suspensas, pois além de economizar espaço no chão, servem para organizar objetos pessoais, além de servir como elemento decorativo. “Mas cuidado sempre com o excesso, tudo na medida exata para não poluir o visual com muitas informações”. O uso de nichos embutidos na parede com iluminação também é uma boa solução.

TAGS