PUBLICIDADE

PF encontra envelope com R$ 216 mil na casa de operador do PSDB

05:00 | 26/02/2019

A Polícia Federal encontrou um total de R$ 216.015,02 em um envelope de segurança na casa do ex-diretor da Dersa Paulo Vieira de Souza, apontado pela Operação Lava Jato como operador do PSDB e da Odebrecht. Os valores estavam divididos em três moedas: R$ 93,25 mil, 20 mil euros e 10,128 mil dólares.

O dinheiro foi descoberto durante as buscas contra Vieira de Souza na Operação Ad Infinitum, 60ª fase da Lava Jato, que prendeu o ex-diretor da Dersa há uma semana, por suspeita de lavagem de dinheiro.

O dinheiro apreendido é muito superior àquele encontrado em três contas bancárias de sua titularidade. O Banco Central bloqueou na quinta-feira, R$ 396,75 de Vieira de Souza.

Responsável pela defesa de Paulo Vieira de Souza, o escritório Santoro Advogados nega que ele tenha cometido irregularidades. Em nota, o PSDB de São Paulo afirma "que não é parte no processo em questão e não mantém qualquer tipo de vinculo com o sr. Paulo Vieira". (Agência Estado).

TAGS