PUBLICIDADE

Polícia investiga motorista que matou o cão Jacó

05:00 | 26/02/2019
JACÓ era chamado de
JACÓ era chamado de "o cão mais habilidoso do Brasil"

Após a repercussão da morte de Jacó, cão da raça border collie e campeão de freestyle, no Porto das Dunas, a Polícia Civil informou que investiga a autoria do suposto crime. Segundo testemunhas, o animal foi atropelado de propósito na areia da praia, no último sábado, 23. Ontem, o boletim de ocorrência foi registrado. A Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente apura as circunstâncias acerca do atropelamento em Aquiraz.

Jacó e seu tutor, Vladinir Maciel, estavam na faixa de areia, quando uma caminhonete Volkswagen Amarok atropelou o animal. O motorista fugiu sem prestar socorro. As tentativas de socorro ao animal não tiveram sucesso. Adestrado e habilidoso, o border collie de 9 anos estava no auge da carreira em competições. Ele representaria o Brasil na Crufts, maior competição de cães do mundo, semana que vem, no Reino Unido. (Lucas Braga)

TAGS