PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Fórum será decisivo para Bolsonaro

2019-02-01 03:49:53
PARTICIPAÇÃO de Bolsonaro em Davos está marcada para o dia 22
PARTICIPAÇÃO de Bolsonaro em Davos está marcada para o dia 22

O presidente Jair Bolsonaro será um dos principais protagonistas da edição deste ano do Fórum Econômico Mundial de Davos, onde promete apresentar "um Brasil diferente" na ausência de grandes líderes como Donald Trump, Theresa May e Emmanuel Macron, imersos em suas próprias crises internas.

Bolsonaro, que realiza sua primeira viagem ao exterior como presidente, irá à luxuosa estação de esqui suíça, onde a elite econômica e política mundial se reúne anualmente, acompanhado dos ministros Paulo Guedes (Economia) e Sergio Moro (Justiça).

"A trajetória de Bolsonaro não sugere que seja um defensor fervoroso da cooperação transnacional promovida pelo Fórum Econômico Mundial", afirma o presidente da International Capital Strategies em Washington. Os olhares estarão atentos para o discurso que dará na terça-feira, 22, diante do fórum, que reúne 3.000 empresários e líderes políticos.

Além de seu projeto para a maior economia da América Latina, Bolsonaro também preocupa por suas posições céticas acerca do clima e gestão da Amazônia.

Mas este ano será marcado pelas ausências, como a de Donald Trump, que cancelou sua visita devido à paralisação parcial do governo americano em sua batalha para forçar o Congresso a financiar um muro na fronteira com o México.

Outra ausência notável será a da primeira-ministra Theresa May, em meio à incerteza sobre o Brexit, uma questão que diz respeito a grandes empresas, que temem uma saída sem o acordo da União Europeia. Tampouco irá o presidente francês Emmanuel Macron, que enfrenta os protestos dos "coletes amarelos". (das agências)

TAGS