PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Empresa terá de comprar matéria-prima do Ceará

farol

01:30 | 09/11/2018

ACORDO O Governo do Estado e a Vestas do Brasil firmaram memorando de entendimentos. A empresa, do ramo de fabricação de motores elétricos, em especial aerogeradores da cadeia produtiva de energia eólica, realizará um reinvestimento no Estado no montante de R$ 100 milhões, com geração de 200 empregos diretos e 800 indiretos. O Governo dará diferimento de 100% do ICMS incidente na importação de matérias-primas e insumos, e de máquinas e equipamentos, suas partes e peças. Aina será cedido terreno de aproximadamente 10.000 m² para a Vestas.Já a empresa se comprometeu a adquirir, no Estado, matérias-primas e os insumos.