PUBLICIDADE
Jornal
VERSÃO IMPRESSA

Dólar fecha semana pré-eleição com recuo de 4,81%

19/05/2019 20:27:57

A última semana antes das eleições teve fortes reflexos no mercado financeiro. Com as pesquisas indicando a consolidação da liderança do candidato Jair Bolsonaro (PSL) que o mercado vê como uma opção mais "amigável" que o segundo colocado, Fernando Haddad (PT) o dólar registrou fortes quedas e a Bolsa teve uma alta acentuada.

No acumulado da semana, a moeda americana se desvalorizou 4,81% - a maior queda para o período desde a primeira semana de março de 2016. No caso da B3, o Ibovespa, principal índice de ações, registrou uma alta de 3,75%, fechando aos 82.321 pontos - mesmo com a queda de 0,76% de ontem.

A reta final polarizada e repleta de incertezas das eleições de 2018 para presidente gerou nos mercados um movimento atípico. Ao contrário da maioria das eleições dos últimos 20 anos, os ativos apresentaram volatilidade significativa nos cinco dias antes do primeiro turno. (Agência Estado)

TAGS