PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Secretário-executivo é exonerado do Ministério do Trabalho após denúncia de fraudes

2018-06-02 01:30:00
NULL
NULL

[FOTO1] O presidente Michel Temer (MDB) exonerou do cargo de secretário-executivo do Ministério do Trabalho, Leonardo José Arantes — o segundo na hierarquia da pasta. A medida ocorreu dois dias após a Polícia Federal realizar operação para desarticular uma suposta organização criminosa que realizava a venda de registros sindicais. Leonardo é sobrinho do líder do PTB na Câmara, Jovair Arantes (GO). 

 

Outro sobrinho do deputado, Rogério Papalardo Arantes, também foi exonerado do cargo de diretor de Ordenamento da Estrutura Fundiária do Incra. O Ministério suspendeu a concessão de registros sindicais por 30 dias.

TAGS