PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Maduro se encaminha para reeleição apesar de profunda crise

2018-05-21 01:30:00
O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, se encaminha para a reeleição, apesar da crise atravessada pelo país, após uma votação com moderada participação, boicote da oposição e não reconhecida por grande parte da comunidade internacional.

 

O dia correu tranquilo e com um moderado comparecimento dos eleitores. Quase 20,5 milhões de eleitores estão registrados para votar em uma eleição antecipada e de apenas um turno, que definirá um novo mandato de seis anos a partir de janeiro de 2019. A votação deveria terminar às 18h (19h de Brasília), mas algumas escolas ainda permaneciam abertas após esse horário em várias partes do país.


Quase todas as pesquisas apontam empate técnico entre o ex-chavista Henri Falcón e Maduro, mas uma elevada taxa de abstenção favoreceria o presidente, já que o chavismo tem o voto fiel de 25% do eleitorado. O terceiro candidato é o pastor evangélico Javier Bertucci.

Gabrielle Zaranza

TAGS