PUBLICIDADE
Jornal
VERSÃO IMPRESSA

Diretoria do Ferroviário não cogita novas contratações para a Série C do Brasileiro

29/05/2019 01:34:53
LÉO JAIME foi o principal reforço do Ferroviário para a disputa da Série C
LÉO JAIME foi o principal reforço do Ferroviário para a disputa da Série C (Foto: Alex Gomes - Especial para O POVO/Alex Gomes - Especial para O POVO)

Pelo menos por enquanto, reforçar o elenco não está nos planos do Ferroviário. A diretoria coral avalia que os jogadores que o time possui no momento suprem as necessidades imediatas do técnico Marcelo Vilar. Com um elenco compacto, mas bem aproveitado, o treinador conta com 29 atletas à sua disposição. A resposta do grupo, até aqui, vem sendo satisfatória. Após cinco rodadas, o Ferrão é o vice-líder do Grupo A da Série C do Brasileiro. No próximo domingo, a equipe volta a campo para enfrentar o ABC, às 16h, no Frasqueirão, em Natal.

Apesar de não estar com o radar ligado para novas contratações, o presidente do Ferroviário, Newton Filho, observa que o clube trabalhará de forma preventiva e, caso sinta que perderá algum atleta, por lesão ou transferência, irá ao mercado de imediato em busca de reposição. "Por enquanto não estamos atrás de nenhuma posição. Mas não podemos dizer que vamos com esse elenco até o fim. Pode surgir alguma necessidade no elenco, algum jogador que que esteja se destacando na série D e porventura saia antes do término da série C", afirmou Newton, ao O POVO.

Em relação ao time que disputou o Campeonato Cearense, o Ferrão fez um balanço equilibrado entre dispensas e contratações. Ao todo, 12 jogadores se desligaram do clube até o início de abril. Por outro lado, 12 caras novas chegaram. Na defesa, o time contratou o goleiro Diego e os laterais Michael, Zeca e Osvaldir. Para o meio-campo, o time coral acertou com os volantes Jonathas, Jean, o meia Juninho Arcanjo, além dois meias que voltaram de empréstimo, caso de Valdeci (que estava no Resende) e Esquerdinha (que retornou do futebol mexicano). Já o ataque foi reforçado com Jefferson Caxito, James Dean e Léo Jaime.

Outro 'reforço', que nunca deixou a deixar a equipe, foi Edson Cariús, que após o Estadual viu seu nome ser cotado no Ceará em pelo menos duas oportunidades. As negociações não avançaram e o Ferrão marcou até entrevista coletiva para anunciar que Cariús seguiria no Tubarão da Barra do Ceará até o fim de seu contrato, em novembro deste ano. Foi o chamado "Dia do Fico".

Agenda

O Ferrão treina hoje em dois períodos. Amanhã, a atividade é à tarde. Na sexta, às 8h, a delegação embarca para Natal, onde o time joga domingo.

Bruno Balacó

TAGS