PUBLICIDADE
Jornal
VERSÃO IMPRESSA

Manter o Embalo

|Série A| Fortaleza tenta segunda vitória consecutiva ao encarar o Botafogo no Engenhão. Time carioca é concorrente direto na luta pela permanência na elite

05/05/2019 09:37:17
WELLINGTON Paulista ganhou confiança após gol marcado contra o Athletico-PR
WELLINGTON Paulista ganhou confiança após gol marcado contra o Athletico-PR (Foto: Mateus Dantas)

Com a confiança restabelecida após vencer a primeira partida na Série A do Brasileiro, o Fortaleza volta a campo neste domingo pela mesma competição, dessa vez para enfrentar o Botafogo, no Rio de Janeiro. O jogo está marcado para o estádio Engenhão, às 16 horas, e pode ser considerado duelo direto na luta pela permanência na elite.

A própria tabela de classificação comprova - muito embora estejamos apenas na terceira rodada do certame - já que duas posições separam o Fogão do Leão e ambos possuem três pontos. A diferença está no saldo de gols, já que o Tricolor foi goleado na estreia.

Os jogadores do Fortaleza sabem que o jogo tem uma importância maior, por se tratar de um adversário que, pelo menos em teoria, apresenta mais condições de ser batido, mesmo jogando em seus domínios. "A gente tem que estar bem motivado, todos os jogos são muitos difíceis, principalmente fora de casa, mas não é impossível ir ao Rio de Janeiro e ganhar o jogo, temos qualidade para isso, temos capacidade, marcação muito boa e vamos colocar tudo em prática para trazer a vitória", disse o atacante Wellington Paulista.

Ele deve voltar a ser titular, não só porque marcou o primeiro gol com a camisa tricolor, mas porque Kieza está fora da partida - o atleta pertence ao Botafogo e está emprestado sob a condição de não enfrentar a equipe de origem. Com a provável manutenção do esquema com quatro atacante, ele deverá ter como dupla, atuando por dentro, Júnior Santos.

Outras mudanças também devem acontecer em relação ao time que venceu o Athletico-PR no meio de semana. Na lateral direita há o provável retorno de Tinga e com isso Araruna será empurrado para o meio de campo, mandando Gabriel Dias para o banco de reservas. Existe ainda a possibilidade de Juninho estrear pelo Fortaleza como titular. Nesse caso, Paulo Roberto ou o próprio Araruna saem da onzena. Felipe segue sendo dúvida.

Na preparação, o tricolor fugiu ao padrão. Embarcou na véspera da partida e assim conseguiu executar três trabalhos com bola em casa. O elenco garante que a mudança de logística não atrapalha. "O mais importante é o torcedor saber que a gente vai comprometido para buscar a vitória, trabalhando muito forte a todo momento para trazer os três pontos", disse Wellington Paulista.

O Botafogo, o técnico Eduardo Barroca tem duas dúvidas para escalar o time, ambas nas laterais. Do lado direito, Marcinho, a quem o torcedor costuma pegar no pé, pode perder espaço para Fernando Constanza, que voltou de empréstimo ao Lille-FRA. Já pela esquerda, Jonathan se recuperou de um entorse no joelho direito, mas ficou de fora da maioria dos treinos e por isso não está garantido entre os onze que iniciam o duelo contra o Fortaleza. Gilson, que foi destaque na vitória do Fogão sobre o Bahia, no meio de semana, ganhou força para se manter no time titular.

Se vencer o Botafogo, o Fortaleza iguala o melhor início dele mesmo na Série A. Em 2006, em três jogos, foram duas vitórias.

 

Brenno Rebouças

TAGS