PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Dá tempo de reforçar

|Elenco| Leão mira contratação de volante e zagueiro a quaro dias da estreia na Copa do Nordeste

01:30 | 11/01/2019
Visando reforçar o meio-campo, a diretoria do Fortaleza enviou uma proposta ao Internacional para contar com o volante Gabriel Dias. A negociação, no entanto, não parece simples. Em primeiro momento, a intenção do Colorado é utilizar o jogador como moeda de troca junto ao Coritiba, para ter o também volante Matheus Galdezani.

 

Gabriel Dias tem 24 anos e disputou 24 partidas em 2018 pelo clube gaúcho. A primeira informação era que havia acerto entre Inter e Coritiba, mas a proposta superior do Fortaleza e ligação de Rogério Ceni diretamente para o atleta o fizeram mudar de ideia.

 

O POVO apurou que o volante já comunicou ao Internacional que deseja defender o Fortaleza na temporada 2019 e aguarda apenas uma definição por parte do time de Porto Alegre, que estuda a situação.

 

Com isso, a contratação de Galdezani agora seria de forma independente e por empréstimo. O Coritiba teria compensação futura pela negociação do jogador. O time paranaense ainda possui uma dívida aproximada de R$ 3 milhões pela compra de 50% dos direitos do volante de 26 anos junto ao Mirassol-SP e esperaria a contratação em definitivo pelo Inter, no fim do ano, para quitar o valor devido.

 

Outro nome que pode chegar ao Tricolor do Pici é o zagueiro Pedrão, do Palmeiras. No início da semana, Rogério Ceni ligou para Felipão pedindo informações sobre o atleta, que tem sido pauta das reuniões diárias entre o técnico e direção do Fortaleza.

 

A quatro dias da estreia na Copa do Nordeste, o Leão segue com apenas dois zagueiros no elenco (Roger Carvalho e Patrick), o que gera a necessidade de improvisar um volante para a primeira linha, caso necessário.

 

Amanhã o Tricolor tem na programação um jogo-treino e Rogério Ceni deve esboçar o que planeja colocar em campo contra o Náutico na terça-feira, 15.

 

Com os dois últimos treinos fechados, não se sabe a formação que o técnico vem testando, mas é possível montar uma espinha dorsal do Fortaleza. Boeck não deve perder a vaga de titular. A primeira linha não vai fugir de Tinga, Roger, Patrick e Bruno Melo. No meio, a dupla de Felipe é a incógnita e Marlon tende a ser o meia. As maiores dúvidas se concentram no ataque, mas Éderson é o nome mais forte para estar lá. (Matheus Vitor/Especial para O POVO)

 

Ciente

 

Meia-atacante Madson foi apresentado ontem no Pici. Jogador admitiu não estar 100%,mas disse que em duas semanas estará à disposição do técnico Rogério CeniVEJA MAIS - FUTCAST #32 | Guia da Copa do Nordeste 2019