PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Força do caldeirão

|Série A| Sob comando de Lisca, Ceará não perdeu nenhum jogo no Castelão, palco da partida contra o Inter, domingo

01:30 | 09/11/2018
Vínculo torcida e time tem feito a diferença para o Ceará no Castelão Júlio Caesar
Vínculo torcida e time tem feito a diferença para o Ceará no Castelão Júlio Caesar

Na reta final do Campeonato Brasileiro, todo jogo é decisivo. Ao Ceará, restam seis rodadas para definir a permanência na Série A, que, nas contas do técnico Lisca, será garantida com 44 pontos. É preciso então mais sete pontos, já que hoje o Vovô possui 37, na 15ª colocação. Para alcançar o objetivo, basta vencer os três jogos restantes em casa (contra Internacional, Paraná e Vasco, respectivamente), e o primeiro é já neste domingo. Pelo menos no que depender do ótimo retrospecto que o time tem sob comando de Lisca jogando no Castelão, o Alvinegro tem boas possibilidades de conquistar o resultado positivo.

 

Isso porque o treinador tem desempenho muito bom como mandante no Brasileirão. Dos 11 jogos que o Ceará disputou na capital cearense sob o comando de Lisca, venceu seis, empatou quatro e perdeu apenas um, acumulando aproveitamento de 66,6% dos pontos disputados.

 

Na Arena Castelão, palco do jogo contra o Internacional, às 16 horas (horário de Fortaleza) deste domingo, 11, o desempenho do Ceará, com Lisca à beira do gramado, é ainda melhor. São quatro vitórias e dois empates. O aproveitamento nesse caso sobe para 77,7%, com invencibilidade em partidas realizadas no Gigante da Boa Vista.

 

Para o treinador, um dos fatores primordiais para que isso aconteça é o apoio do torcedor, e o desempenho evidencia a capacidade que o Ceará tem de aproveitar toda a atmosfera criada nas arquibancadas a seu favor.

 

"Desde que a gente começou esse processo de recuperação lá atrás, eu já dizia...o torcedor é parte fundamental nisso tudo, pois apoiou o time e acreditou. Eles já entenderam a importância que têm quando a gente joga em casa. A guerra continua e estamos na briga para não terminar em uma das quatro vagas do Z-4. Vamos seguir o nosso trabalho e vamos para frente", comentou o treinador em entrevista coletiva.

 

No duelo contra o Colorado, a torcida do Ceará comparecerá novamente em  grande número. Até ontem, mais de 10 mil ingressos já haviam sido vendidos de forma antecipada, em comercialização que segue até o dia do jogo em todas as lojas oficiais do clube.

 

DE VOLTA

 

Suspenso na derrota contra o Sport, o volante Richardson volta ao time titular do Ceará contra o Inter. O lateral Samuel Xavier é outro que retorna, após ficar de fora por questões contratuais

ANDRé ALMEIDA