PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Com a força da torcida

|Brasileirão| Com três vitórias seguidas no Castelão, Ceará precisa manter sequência para deixar a Z-4

01:30 | 11/10/2018
Depois de ter voltado pra zona de rebaixamento na última terça-feira, graças ao empate do Vasco com o Botafogo, o Ceará viu aumentar a necessidade de vitória na próxima segunda-feira, 15, diante do Fogão. Embora tenha um jogo a menos, o Vovô só tem chances de sair da Z-4 nessa rodada com resultado positivo. Para isso, será preciso manter a sequência de vitórias em casa para melhorar o aproveitamento como mandante.

 

Nas últimas partidas diante da torcida, o Alvinegro conseguiu três vitórias sobre Corinthians, Vitória e Chapecoense. As duas últimas foram contra concorrentes diretos na briga contra a Z-4, situação semelhante ao duelo contra o Botafogo.

 

Foi graças a esses triunfos que o Vovô conseguiu melhorar o desempenho como mandante, que, no entanto, ainda não é bom. Devido ao péssimo começo de Brasileirão, o Ceará é o terceiro pior mandante da Série A, com cinco vitórias, cinco empates e quatro derrotas à frente apenas do lanterna Paraná e do vice-lanterna Sport.

 

Tudo que o Vovô precisa para seguir em crescente é aproveitar o bom momento, sobretudo explorando o campo do Castelão, onde conseguiu os últimos resultados positivos. Após o retorno do Brasileirão, depois da Copa do Mundo, o Alvinegro não foi derrotado nenhuma vez no Gigante da Boa Vista.

 

"O Castelão lotado é uma arma a mais que temos contra quem vier jogar aqui. Não é demagogia. Nosso torcedor é o nosso 12º jogador. Essa troca de energia que vem através deles nos motiva cada vez mais. Esse será mais um jogo de extrema importância para todos nós, e ter o apoio e a presença da torcida será fundamental", garante o técnico Lisca.

 

O caminho pra isso passa diretamente pelo funcionamento do sistema ofensivo. Antes ponto fraco do Ceará, o ataque tem evoluído. Nos últimos três jogos em casa, foram sete gols média de 2,33 por partida.

ANDRé ALMEIDA