PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Arthur pede passagem

| ARTILHEIRO | Confiante, atacante marcou o gol da primeira vitória do Ceará NA série A. O jogador quer ser decisivo para tirar o time da zona de rebaixamento

01:30 | 20/07/2018
NEGOCIADO com o Palmeiras, Arthur quer brilhar antes de sair do Ceará JULIO CAESAR
NEGOCIADO com o Palmeiras, Arthur quer brilhar antes de sair do Ceará JULIO CAESAR

A apresentação com gol decisivo diante do Sport representou o "dia do fico" do atacante Arthur Cabral, 20. O principal jogador do setor ofensivo do Alvinegro na temporada fez a sétima partida na Série A, o que garante que ele só vai se transferir para o Palmeiras em 2019.

Com isso, finda-se qualquer especulação de que ele abandonaria o barco antes do fim do Brasileirão.

 

Mais do que ficar no Ceará, Arthur quer ser decisivo para tirar o time da zona de rebaixamento. Artilheiro do clube na temporada com 18 gols, o jovem deu uma amostra de que pode repetir o desempenho no Estadual, quando foi o destaque do Vovô na conquista do título.

 

Segundo o jogador, em nenhum momento ele pensou em deixar o clube em situação crítica para se mandar para o Palmeiras. "Chegou até a mim a especulação, mas deixou bem claro o acordo que já sido feito (da transferência após esta temporada). Ainda mais depois dessa situação, de nós termos feito um péssimo início de campeonato. Não poderia deixar o barco andando e sair pela porta do fundo. Quero sair pela porta da frente e deixar o Ceará na 1ª divisão, sendo protagonista."

 

O gol diante do Sport marcou o fim do jejum não só de vitórias do Ceará, mas também do próprio atacante - que não balança as redes há mais de dois meses. Diante da importância do tento, como ele mesmo afirmou, saiu correndo que "nem um louco" para extravasar. "Estou aqui porque eu quero. Quero honrar esse manto. Dou a vida por esse clube", disse.

 

O fim do jejum de vitórias mudou o ânimo no clube. O sentimento é de confiança numa reviravolta no campeonato. "Dá uma nova vida.

Dava para ver no olhar de cada atleta em campo, da comissão técnica, de cada funcionário ao chegar ao clube, que a gente estava precisando dessa vitória para levantar o astral", revelou Arthur.

 

O próximo desafio do Alvinegro é contra o Internacional. O Vovô vai precisar de um Arthur inspirado para bater o Colorado em pleno Beira-Rio, em Poro Alegre. Os gaúchos têm um aproveitamento de 77,8% como mandante na Série A, o quarto maior da competição, atrás apenas de Flamengo, Atlético-MG e Corinthians.

 

Por outro lado, o time do Porangabuçu tem um retrospecto positivo como visitante contra o Inter. O Ceará não perde do Colorado, jogando no Beira-Rio, desde 2011.