VERSÃO IMPRESSA

Em momento difícil, Brasil joga por empate com Sérvia para avançar

CLASSIFICAÇÃO. Apesar de jogar pelo empate diante da Sérvia, momento da seleção é delicado

01:30 | 27/06/2018
[FOTO1]

O Brasil chega à última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo como líder da chave E. Na perspectiva da tabela, o topo era o aguardado para este momento. Entretanto, a Canarinho não vive situação confortável. Conquistou quatro pontos na base do sufoco e pode sofrer uma eventual eliminação, caso seja derrotada pela Sérvia, hoje, às 15 horas (de Brasília).

[SAIBAMAIS]

A seleção é seguida pela Suíça, que tem a mesma pontuação, mas um gol a menos no saldo. A esquadra vermelha enfrenta a já eliminada Costa Rica no mesmo horário do duelo do Brasil para definir a classificação para as oitavas.

[QUOTE1]

A tropa brasileira sob o comando de Tite, que desembarcou na Rússia em alta após a ótima campanha nas Eliminatórias, vive o seu momento de maior turbulência. A equipe teve muitas dificuldades contra a Suíça (1 a 1) e a Costa Rica (2 a 0), com triunfo nos acréscimos. Neymar, o mais cobrado, ainda não jogou bem no Mundial e tem mostrado instabilidade emocional.


Além disso, o elenco levado por Tite tem sido questionado. A confirmação do desfalque de Douglas Costa por lesão muscular deu ainda mais espaço para os questionamentos.


Diante de uma Copa tão nivelada, achar que o Brasil já venceu a Sérvia só pela tradição da camisa é ilusão. Para Paulo Calçade, comentarista dos canais ESPN, a chance de uma eliminação existe. Ele cita os exemplos de Espanha e Portugal, que sofreram para passar em um grupo que tinha Irã e Marrocos, seleções com pouca tradição no futebol. “Uma característica desta Copa e da anterior é de pequenos organizados. Imagina equipes trancadas no mata-mata, ganhando o jogo no contra-ataque. Você pode ter muitas surpresas”.


Calçade ressalta a queda de desempenho das Eliminatórias para o Mundial. “O Brasil pode ser eliminado porque tem dificuldades. Não joga no nível das Eliminatórias, porque era outro contexto, um cenário já dominado pelo Brasil. Copa é outra pegada. E essa era minha preocupação. O que a gente está vendo é dificuldade da seleção em se organizar, principalmente, no meio-campo”.


Julio Gomes, jornalista e blogueiro do UOL que colabora na cobertura da Copa para O POVO, vê o Brasil com 20% de chances de ser eliminado. “A Sérvia tem uma equipe boa. Eles têm uma combinação perigosa: defesa experiente e ataque jovem, e digamos, ousado”, analisa.


3


COPAS TIVERAM

A QUEDA DO BRASIL NA 1ª FASE: 1930, 1934 E 1966

1 x 0


FOI O PLACAR DA VITÓRIA DO BRASIL SOBRE A SÉRVIA NO ÚNICO CONFRONTO ENTRE AS SELEÇÕES, EM 2014


43

 

É O NÚMERO DE FINALIZAÇÕES DO BRASIL NESTA COPA. TRÊS ENTRARAM
 

52

 

ANOS ATRÁS OCORREU A ÚLTIMA ELIMINAÇÃO DO BRASIL NA 1ª FASE

LUCAS MOTA

TAGS