VERSÃO IMPRESSA

Ferroviário tem novo desafio no domingo, agora contra o Cordino

Série D a meta coral é terminar a fase classificatória no topo do grupo A4

01:30 | 24/05/2018
Se não conseguiu garantir vaga na próxima fase da Série D de forma antecipada no duelo do domingo passado, contra o 4 de Julho-PI, o Ferroviário terá condições de assegurar sua credencial diante do Cordino-MA, no último jogo da fase classificatória, marcado para o próximo domingo, às 18h, no estádio Presidente Vargas.

 

A meta coral é terminar a fase classificatória na liderança do grupo A4. O time pode conquistar o feito com empate ou vitória. Nesses cenários, o Ferrão garantiria a liderança de sua chave e, consequentemente, vaga direta na segunda etapa do torneio.


Contudo, caso o Cordino, atual vice-líder do grupo, vença a partida, o Coral vai precisar torcer por combinações de resultados em outros 12 grupos a fim de se garantir na fase seguinte do certame.


Conforme os cálculos do estatístico Thiago Minhoca, existem 12 chaves em que os vice-líderes podem ter campanha inferior à do Ferrão. A exceção acontece nos grupos A8, A15 e A17.


Deve-se também considerar nessa lista a chave A6, já que o Imperatriz tem oito tentos de saldo e precisaria perder de sete gols de diferença para ter campanha inferior à do Peixe.


Na Série D, além dos 17 líderes de cada chave, os 15 melhores segundos colocados também avançam à próxima etapa. Portanto, o Tubarão – caso termine como segundo do seu grupo - precisa ter campanha superior à de dois vice-líderes de outros grupos.


O estatístico destaca que o saldo de dois gols do Ferroviário pode ser fator desfavorável ao time da Barra do Ceará, uma vez que derrota simples para o Cordino o deixaria estacionado com nove pontos e um gol de saldo. (Neto Ribeiro)

 

FERRÃO


Na Série D, além dos 17 líderes de cada chave, os 15 melhores segundos colocados também avançam à próxima etapa

GABRIELLE ZARANZA

TAGS