VERSÃO IMPRESSA

Acabou o caô!

Goleador com quatro gols na estreia do fortaleza no campeonato cearense, gustavo quebra marca histórica, tem início animador no fortaleza e já cai nas graças da torcida

01:30 | 19/01/2018

[FOTO1]
Começar em um novo clube marcando logo quatro gols é a estreia dos sonhos para qualquer jogador. Foi assim que o atacante Gustavo deixou seu cartão de visitas no Fortaleza na goleada por 4 a 0 sobre o Uniclinic, na última
quarta-feira, 17. 


Fazendo jus ao apelido de "Gustagol", o paulista natural de Registro - a 187 km da capital - já quebrou marca histórica no seu primeiro jogo com
a camisa do Leão.
 

Havia 12 anos que nenhum jogador do Fortaleza marcava quatro gols na mesma partida. O último foi o atacante Rinaldo, ídolo da torcida leonina, que em 2006 marcou quatro gols no mesmo jogo em duas oportunidades.

A primeira foi no dia 22 de janeiro, quando Rinaldo fez quatro vezes na goleada do Fortaleza por 6 a 2 sobre o Ferroviário. A segunda foi em pleno Clássico-Rei, apenas uma semana depois. No dia 29 de janeiro, o Leão aplicou histórica goleada sobre o maior rival por 6 a 3, com quatro gols
do "Homem Raio".

"A ficha ainda nem caiu direito dessa noite maravilhosa. Estou muito feliz, mais ainda pela vitória " , celebrou Gustavo, que já teve música cantada no PV. "Acabou o caô, o Gustagol chegou, o Gustagol chegou", entoavam os torcedores leoninos a cada gol anotado pelo camisa 9.
 

A boa estreia revelou características do centroavante de 23 anos, como bom senso de posicionamento, presença de área e poder de finalização, que o ajudaram na hora de balançar as redes. O atacante fez gol de pé direito (duas vezes), pé esquerdo e de cabeça. Mesmo assim, sabe que a cobrança será maior Sem dúvidas, pela estreia, a torcida vai sempre cobrar gols. Mas precisamos ter os pés no chão. É só o começo, e estou preparado para conquistar grandes coisas aqui."
 

Os quatro gols marcados tiveram sabor de ineditismo na carreira do jogador. Foi a primeira vez que ele conseguiu marcar quatro vezes em uma única partida. Até então só havia feito, no máximo,  dois gols em um jogo.
[QUOTE1] 

A estreia animadora no Fortaleza coloca o atacante em evidência no setor. O Tricolor do Pici ainda está no mercado em busca de mais um atleta de área, no caso Jonatas Belusso. No primeiro teste oficial, Gustagol deu conta do recado. Se mantiver o desempenho, dificilmente deixará o time titular.
 

No Fortaleza, Gustavo tem a chance de retomar o bom futebol que o ajudou a se projetar nacionalmente, em 2016. Naquele ano, o atleta foi destaque do Criciúma, marcando 17 gols e sendo contratado pelo Corinthians. Desde a saída do clube catarinense, o centroavante não engrenou.
 

Com a camisa do Corinthians, Gustavo só atuou em nove jogos e não agradou. Foi emprestado na temporada 2017 para Bahia e Goiás, clubes nos quais também não conseguiu se destacar. No ano passado, o centroavante colocou apenas 7 bolas para o fundo das redes
em 35 jogos. 

 

 

FORTALEZA 


ANÁLISE
 

CONFIANÇA, MAS SEM TANTA EUFORIA
 

Euforia é do que menos um jogador precisa no começo de temporada.
A chance de ser engolido por um estado desmedido de alegria é enorme. Confiança, entretanto, é fundamental. Gustavo vestiu a camisa do Fortaleza pela primeira vez em um jogo oficial na quarta-feira, 17. De cara fez quatro gols contra o Uniclinic. Um desempenho notável.
Não por acaso ele foi o personagem do jogo.
 

O cartão de visita foi animador, mas a cobrança vai crescer exatamente na mesma proporção. Contra o Maranguape, domingo que vem, 21, o atacante estará no gramado do Castelão com todos os holofotes sobre ele. Oportunidade de mostrar confiança  e maturidade,
sem euforia.

FERNANDO GRAZIANI
fernandograziani@opovo.com.br 

 

ANDRE ALMEIDA

TAGS