PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Ceará já bate próprio recorde de maior público da Série B e do Estado

Com venda antecipada, Ceará já bate o próprio recorde de maior público da Série B e do Estado no ano faltando dois dias para jogo contra ABC

01:30 | 23/11/2017

Ceará terá Castelão lotado diante do ABC, pela última rodada da Série B: mais de 46 mil ingressos vendidos JÚLIO CAESAR
Ceará terá Castelão lotado diante do ABC, pela última rodada da Série B: mais de 46 mil ingressos vendidos JÚLIO CAESAR

O Ceará se despede da Série B do Brasileiro às 16h30min de sábado, 25, diante do rebaixado ABC e com quebra de recorde de público assegurada. Até ontem, 46.673 ingressos tinham vendidos antecipadamente.

O recorde anterior do Alvinegro é do confronto com o Paysandu no Castelão, pela 36ª rodada, quando o estádio recebeu 44.172 pagantes, resultando no maior público da Segundona e do futebol cearense em 2017 até então.

Dificilmente algum mandante conseguirá bater o número que o Alvinegro está construindo para o jogo diante do ABC, na rodada derradeira da Segundona. E os ingressos para o confronto no Castelão continuam a ser vendidos nas lojas oficiais do clube. Os preços variam de R$ 25 (meia para arquibancada inferior) a R$ 120 (inteira para setor premium) . As entradas para arquibancada superior estão esgotadas.

Com essa perspectiva de lotação, o Ceará pode encerrar sua participação na Série B com chave de ouro, tendo os três maiores públicos pagantes da competição. Para isso ocorrer, nenhum jogo da última rodada pode ultrapassar os 40 mil pagantes. Assim, Ceará x ABC assume o 1º lugar, seguido por Ceará x Paysandu com 44.172 pagantes e Ceará x Londrina com 40.280 pagantes (4ª rodada).

&nsbp;

No ranking do futebol cearense no ano, o Vovô ficará com a 1ª e a 2ª colocação. O primeiro jogo da final da Série C, entre Fortaleza e CSA, no Castelão, aparecerá em 3º com 43.778 pagantes.

 

RENDA

Além do quesito público pagante, o Ceará pode quebrar o recorde de maior renda da Série B e do futebol cearense na partida contra o ABC. O duelo diante do Paysandu gerou R$ 1.026.630. Na Segundona, ficou atrás apenas de Paraná x Internacional, que somou R$ 1.224.660 de bilheteria.

No âmbito do futebol cearense, o valor alcançado pelo Ceará no jogo contra o Papão é menor do que o obtido nas partidas do Fortaleza contra Tupi e CSA, respectivamente nas quartas de final e na final da Série C, que renderam, pela ordem, 1.318.576,00 e R$ 1.287.583,00.

LUCAS MOTA