PUBLICIDADE
Jornal

Técnico Zago não revela mudanças implementadas no time do Fortaleza

Zago faz mistério e não revela escalação para sua estreia no Fortaleza, amanhã, contra CSA. Treinador deixou escapar apenas que deve utilizar três atacantes

26/08/2017 01:30:00
NULL
NULL

[FOTO1]
O time está definido. Agora, listar os 11 titulares é uma tarefa que Antônio Carlos Zago quer guardar a sete chaves para sua estreia no Fortaleza. Ao longo da semana, o treinador deu poucas pistas da formação que pretende mandar a campo no jogo de amanhã, contra o CSA, no Castelão, pela Série C. Ontem, na coletiva que concedeu após o treino de apronto do time, preferiu deixar o suspense no ar.

“Já tenho os 11 que vão a campo. Não sou habituado a esconder escalação, mas é que tínhamos que treinar todo mundo junto essa semana, até para a gente fazer alguns ajustes, de forma a mudar a mentalidade para a gente ter mais atenção no jogo. Os treinos foram para esse lado”, declarou Zago, para em seguida justificar sua estratégia. “Por ser um jogo decisivo, por ser o meu primeiro jogo, o treinador do lado de lá não sabe o que vou fazer, vamos manter esse mistério até o final. Mas não vai mudar muito em relação ao que vinha sendo utilizado”, afirmou, deixando claro que fará apenas alterações pontuais no time.
 

Entre as mudanças, o treinador não cravou, mas deixou escapar que deve mudar o esquema tático do 4-4-2 para o 4-3-3, com três atacantes: Jô, Lúcio Flávio e Hiago. “Sempre gostei de jogar com jogadores pela beirada e vi que dá para nós jogarmos aqui, pelas características dos jogadores. Então, é mais ou menos por aí. O importante é termos uma atitude diferente dentro de casa”. Outra modificação sinalizada é o deslocamento de Rodrigo Mancha da zaga para a volância. Com isso, Edimar ganha uma vaga na defesa para atuar ao lado de Ligger. O treinador tem duas baixas para o jogo. Uma delas é o atacante Paulo Sérgio, vetado com dores na região lombar.
 


CASO ÉVERTON
Outro desfalque no time é o meia Éverton, liberado da partida após ser intimidado em sua residência por um grupo de torcedores na noite da última quarta-feira. Ronny é o seu substituto no time.
O POVO conversou ontem com a esposa de Éverton, que revelou detalhes da ação dos torcedores. Ela reforçou que o jogador deve deixar a equipe, mas que a decisão só será tomada após reunião com a diretoria do Leão, na segunda.

Bruno Balacó

TAGS