VERSÃO IMPRESSA

Seleção brasileira só volta a jogar em junho

01:30 | 29/03/2017

A seleção brasileira agora só volta a campo em junho — mês em que começa a disputa da Copa das Confederações na Rússia. Fora do torneio após fiasco na Copa América 2015, o Brasil tem agendados dois amistosos em Melbourne, na Austrália, um contra a Argentina, no dia 9, e outro contra a equipe dona da casa, no dia 13. A meta, segundo Tite, é “consolidar a equipe”.
 

A próxima sequência da seleção do técnico Tite pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018 será apenas entre agosto e setembro. O Brasil vai receber o Equador, no dia 31 de agosto, em partida ainda sem local definido pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Depois, vai visitar a Colômbia no dia 5 de setembro, em Barranquilla.
 

A finalização da disputa do qualificatório da América do Sul para o próximo Mundial será apenas em outubro, com mais duas rodadas. No dia 5 o Brasil enfrentará a Bolívia fora de casa; e no dia 10 de outubro fecha o torneio recebendo o Chile.
 

O bom momento da seleção tem empolgado a torcida, que projeta uma equipe nacional chegando entre as favoritas ao título na próxima Copa.
Diante do público no Itaquerão, os ‘corintianos’ da seleção brasileira foram os mais aplaudidos, como Fagner, Paulinho e Renato Augusto. Porém, o técnico Tite foi o grande ovacionado da noite.
 

“Ele (Tite) nos dá muita confiança pra jogar. Por isso ele merece ter o nome gritado aqui e em todo lugar”, afirmou Neymar após a partida.

ADRIANO NOGUEIRA

TAGS