VERSÃO IMPRESSA

Fortaleza e Bahia ficam no 0 a 0 no Castelão na estreia pelo Nordestão

Em jogo quente, Fortaleza e Bahia ficam no 0 a 0 na estreia de ambos no Nordestão. Leão teve um jogador a mais durante todo o segundo tempo, mas não aproveitou a vantagem e saiu de campo vaiado pela torcida

01:30 | 27/01/2017
[FOTO1]

André Almeida

andrealmeida@opovo.com.br 

 

Quem foi na noite de ontem ao Castelão para acompanhar a estreia de Fortaleza e Bahia na Copa do Nordeste viu um jogo quente, movimentado, mas sem bola na rede. O duelo de tricolores nordestinos terminou empatado por 0 a 0. E o torcedor do Leão do Pici saiu decepcionado com o resultado e com a atuação do time, que esteve durante a maioria da partida com um jogador a mais e não converteu a superioridade numérica em vantagem no placar.


As vaias da torcida ao apito final refletem a insatisfação de quem sabe que o Fortaleza deixou escapar uma vitória que pode fazer a diferença no desfecho da fase de grupos. Principalmente pelo fato de o adversário ser a equipe considerada favorita na chave.


Com o empate de ontem, o técnico Hemerson Maria segue sem perder no comando do Fortaleza. Ao todo, foram três vitórias e quatro empates.


Com poucas chances de gol, o primeiro tempo teve mais confusão que jogo. O clima estava quente, com dois times nervosos em campo.


Foram seis cartões amarelos e um vermelho nos primeiros 45 minutos de uma partida muito truncada e estudada.


Nenhum tricolor quis se expor e a melhor chance cearense foi na falta cobrada por Rodrigo Andrade que Jean defendeu; do lado baiano ficou a lamentação pelo gol anulado de Hernane. Mas o Bahia saiu no prejuízo pela expulsão de Juninho.


Os dois times voltaram do intervalo com a mesma temperatura. Só que, com um a mais, o Fortaleza foi para cima em busca da vitória. O time de Hemerson Maria assumiu riscos e deu espaço para o Bahia contra-atacar.


Daí criou boas chances com Gabriel Pereira e Lúcio Flávio, que perderam oportunidades claras de marcar.


Mesmo com um jogador a mais, o Fortaleza demonstrou problemas físicos. Em certos momentos nem parecia estar em vantagem numérica, mesmo o Bahia ainda fora de ritmo por estar fazendo aquele que era seu primeiro jogo oficial na temporada.


No fim, sobrou a lamentação. O pecado no último toque do Fortaleza custou a vitória.

 

COPA DO NORDESTE

Vitória 3x1 Sergipe

Itabaiana-SE 0x0 CRB

River-PI 2x0 Juazeirense-BA

Moto Club 1x1 Altos

América-RN 3x1 Botafogo-PB

Fortaleza 0x0 Bahia

 

PRIMEIRA LIGA

América-MG 0x0 Ceará

Chapecoense 0x0 Joinville


COPA DO NORDESTE 0 x 0


FORTALEZA


TÉCNICO: HEMERSON MARIA

 

4-3-3:

Marcelo Boeck, Jefferson, Heitor, Ligger e Gastón; Anderson Uchôa, Vacaria (Allan Vieira) e Rodrigo Andrade (Patuta); Gabriel Pereira, Juninho Potiguar (Wesley) e Lúcio Flávio


BAHIA


TÉCNICO: GUTO FERREIRA

4-4-2:

Jean; Eduardo, Tiago, Jackson e Armero (Eder); Juninho, Renê Júnior, Régis e Zé Rafael (Matheus Sales); Allione (Diego Rosa) e Hernane

Local: estádio Castelão, em Fortaleza-CE

Data: 26/1/2017

Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE)

Assistentes: Marlon Rafael Gomes de Oliveira (PE) e Francisco Chaves Bezerra Junior (PE)

Cartões amarelos: Gastón Filgueira (F), Vacaria (F), Jean (B), Renê Júnior (B), Hernane (B), Juninho (B)

Cartões vermelhos: Juninho (B)

Público: 8.202 pagantes (9.092 presentes)

Renda: R$ 84.992,00

 

NORDESTÃO 

 

GRUPO A TIME PG J V 1º Náutico-PE 3 1 1
2º Santa Cruz-PE 1 1 0
2º Campinense-PB 1 1 0
4º Uniclinic-CE 0 1 0 

 

GRUPO B TIME PG J V
1º Moto Club-MA 1 1 0
1º Altos-PI 1 1 0
3º Fortaleza-CE 1 1 0
3º Bahia-BA 1 1 0 

 

GRUPO C TIME PG J V
1º River-PI 3 1 1
2º Sport-PE 3 1 1
3º Sampaio Corrêa-MA 0 1 0
4º Juazeirense-BA 0 1 0  

 

GRUPO D TIME PG J V
1º CSA-AL 3 1 1
2º Itabaiana-SE 1 1 0
2º CRB-AL 1 1 0
4º ABC-RN 0 1 0  

 

GRUPO E TIME PG J V
1º América-RN 3 1 1
1º Vitória-BA 3 1 1
3º Sergipe-SE 0 1 0
3º Botafogo-PB 0 1 0 

ANDRE ALMEIDA

TAGS