VERSÃO IMPRESSA

Djokovic e Murray decepcionam no Aberto da Austrália

01:30 | 23/01/2017

No primeiro Grand Slam de Tênis de 2017 os astros Novak Djokovic e Andy Murray não brilharam. Depois de Djokovic perder na segunda rodada, neste domingo foi a vez de o melhor do mundo ser eliminado do Aberto da Austrália. 

Murray caiu nas oitavas de final, diante do alemão Mischa Zverev, apenas o 50.º colocado do ranking da ATP. O jogo terminou com o triunfo de Zverev por 3 sets a 1, parciais de 7/5, 5/7, 6/2 e 6/4.

 

Apesar da derrota, Murray continuará como líder do ranking mundial. No ano passado, Djokovic o venceu na final, de forma que o sérvio, então, é quem deixa Melbourne com prejuízo maior. A diferença de pontos entre os dois, que era de menos de 800 pontos, vai superar os 1.700 - mais do que o dobro, portanto.


Desde Indian Wells, em março do ano passado, Murray não perdia para um rival tão mal ranqueado - o argentino Federico Delbonis era o 53.º à época. Neste domingo, caiu diante de um alemão de 29 anos que é só o 50.º no ranking da ATP. Ele nunca ganhou um título nem havia ido além da terceira rodada de um Grand Slam. Zverev foi presença constante nos principais eventos do circuito até 2012, sempre como coadjuvante.



ADRIANO NOGUEIRA

TAGS