PUBLICIDADE
Jornal
VERSÃO IMPRESSA

Venda de veículos cresce 4% no primeiro semestre

| Ceará |

03/07/2019 06:33:16
Marcelo Justino
Marcelo Justino (Foto: Infográfico O POVO)

Após dois anos de planejamento, o segurança Israel Marques, 28, comprou o primeiro carro, em fevereiro deste ano. Vendeu a moto que tinha para garantir o valor da entrada. O financiamento tem pesado um pouco no orçamento, mas avalia que tem valido a pena com a renda extra obtida como motorista de aplicativo.

Esta é uma entre as 25,2 mil compras de veículos novos no primeiro semestre deste ano, no Ceará. O número é 4,44% maior na comparação com igual período em 2018. Mas foi em junho que o mercado ganhou fôlego, saltando 16,36% a venda de automóveis de passeio ante o ano anterior.

No cenário nacional, a alta foi de 13,45% no primeiro semestre de 2019. Os dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) mostram que o segmento tem conseguido se equilibrar num contexto econômico que ainda não deu sinais de recuperação. Assim como o Israel, os consumidores estão mais cautelosos e preocupados com o endividamento.

O economista Alex Araújo explica que os números reforçam a dinâmica econômica local menos acelerada do que a média brasileira. A alta em junho deste ano, destaca, tem como reflexo a queda do ano anterior após a greve dos caminhoneiros. "A base termina sendo muito frágil", analisa.

Para Augusto Vianna, superintendente comercial da Silcar Chevrolet, no momento de crise, o consumidor fica mais cauteloso. Ezaner Bertolini, gerente-geral da Newland Toyota, acrescenta que a tendência é de melhoria no segundo semestre.

DADO

As vendas levam em conta automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus e motocicletas

 

Bruna Damasceno