PUBLICIDADE
Jornal
VERSÃO IMPRESSA

Até maio obras públicas também serão concluídas

Entorno

25/06/2019 01:34:36

Todas as intervenções feitas pela Fraport no Aeroporto fazem parte do contrato de concessão do equipamento. O investimento, estimado em R$ 1 bilhão, inclui ainda duplicação das pistas, melhorias no estacionamento e novas pontes de embarque e desembarque.

Ontem, o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), destacou que até maio de 2020, quando deve ser entregue o novo terminal de passageiros, as obras públicas do entorno também serão concluídas.

"Já tem uma obra do Governo do Estado, de VLT, que deve rodar integralmente nos próximos meses, que margeia a parte sul do Aeroporto, saindo da Parangaba até o Mucuripe. A gente também está na parte final deste corredor que liga a Silas Munguba, antiga Dedé Brasil, até o Mucuripe e que vai ligar o Aeroporto. Este túnel deve ficar pronto em setembro".

Até maio do ano que vem deve ser concluída a duplicação do viaduto, ao lado do Makro da BR-316, e a drenagem da avenida Alberto Craveiro, prometeu o prefeito. "Como contrapartida, a Fraport também ficou de fazer uma via ligando o fim da avenida Carlos Jereissati diretamente com o Montese, entrando dentro do terreno do Aeroporto. Tudo isso vai facilitar a saída e a chegada de quem vem do Centro da Cidade".

O secretário estadual do Turismo, Arialdo Pinho, destacou que a modernização do Aeroporto vai possibilitar avançar nas negociações para atração de novos voos. Na semana passada, o Governo anunciou parceira com o Grupo Globalia para a realização de dois voos diretos por semana entre o Ceará e Madri a partir de dezembro. "Isso vai normalizar (o atendimento). Hoje o espaço está pequeno para demanda. No ano passado, tivemos mais de 6 milhões de turistas e, neste ano, vamos para mais de 7,5 milhões. Com este novo tamanho, o Aeroporto vai aguentar a demanda ate 15 milhões de passageiros por ano", disse.