PUBLICIDADE
Jornal

Como saber onde investir?

Perfil. Atenção ao foco

21/01/2019 01:30:00

Tão importante quanto saber o que deve render mais em 2019, é escolher o tipo de aplicação de acordo com seus objetivos. "Dinheiro sem objetivo é dinheiro perdido. É preciso saber exatamente o que fazer com esse recurso, quando não se faz isso aumentam as chances de perder o foco ao longo do tempo", ensina Reinaldo Domingos.

 

Ele pondera que é preciso levar em conta também o tempo em que a pessoa consegue deixar o dinheiro disponível. Prazos mais alongados geram rentabilidade maiores. Se o objetivo, por exemplo, é formar uma aposentadoria, o ideal é optar por investimentos de longo prazo. Para comprar uma casa, um carro ou viagem, considere títulos de médio (entre 1 ano e dez anos) e até curto prazo (até um ano). Mas se o dinheiro guardado for para emergências, o ideal é optar por aqueles de curtíssimo prazo que têm liquidez diária. Taxas de administração e incidência de Imposto de Renda também devem ser comparados.

 

Para os especialistas, outra "regra de ouro" é não colocar todos os ovos em uma mesma cesta. Ou seja, diversificar em várias frentes de aplicações para conseguir uma rentabilidade maior do que haveria se investisse em apenas um tipo. Para quem ainda não tem familiaridade no mercado de ações, Ênio Arêa Leão recomenda que invista primeiro na Bolsa de Valores ou em fundos multimercado. "Porque os gestores vão fazer isso por você", destaca.

 

TAGS