PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Estudo para elevar a competitividade do comércio exterior no Estado

15 ANOS DO IPECE | Projeto foi apresentado ontem. Documento está previsto para ser finalizado no início do próximo ano

01:30 | 17/04/2018
FLÁVIO ATALIBA media debate no evento em comemoração aos 15 anos do Ipece ALEX GOMES/ESPECIAL PARA O POVO
FLÁVIO ATALIBA media debate no evento em comemoração aos 15 anos do Ipece ALEX GOMES/ESPECIAL PARA O POVO

Conhecer o panorama global do comércio exterior do Ceará, identificando empresas internacionalizadas, mas também companhias que não conseguem deslanchar no mercado internacional, além de estudar mecanismos de incentivos. Essas são as premissas do estudo a ser desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Estratégica Econômica do Ceará (Ipece) em parceira com a Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap). A elaboração do documento foi apresentada ontem durante as comemorações dos 15 anos do Ipece.

“O estudo vai procurar identificar o porquê de algumas empresas conseguirem se manter no mercado internacional, sendo que outras não seguem o mesmo modelo, apesar das condições. Serão estudadas questões de mercado, marca, ambiente e o segmento”, afirma Flávio Ataliba, diretor-geral do Ipece.

O objetivo é avaliar principais entraves e oportunidades. “Analisaremos os problemas existentes e como o Estado está ajudando as companhias. Se forem entraves do âmbito estadual, serão colocadas soluções e cobraremos do Governo. Se for de natureza federal, o Ceará vai ter de fazer articulações”, avalia Adriano Sarquis, diretor de Assuntos Econômicos (Diec) do Ipece. A expectativa é que o estudo seja entregue no início de 2019. “Na sexta-feira teremos reunião com a equipe para definir estratégias”, aponta.

A metodologia da pesquisa se baseia em visitas e entrevistas com empresas. Será feito questionário para obter informações. “Os produtos que esse questionário vai gerar definirão uma grande revisão da literatura de competitividade empresarial do Ceará. É de envergadura internacional, validado com uma universidade nos Estados Unidos. Passará por questões de gestão, setorial, fragilidades e potencialidades sistêmicas”, destaca Carlos Manso, coordenador da pesquisa e consultor do Banco Mundial (Bird).

“Ele vai determinar também os perfis exportadores. O Ceará, mesmo diante das restrições, tem obtido de competitividade. O detalhe é que observaremos mais do ponto de vista do setor público e como ele pode interferir a favor da competividade,” esclarece. “O objetivo é aprender com as empresas e saber o que elas esperam do setor público”, explica.

 

 

Adriano Sarquis, diretor de Assuntos Econômicos do Ipece

“O Ipece contribui com o Ceará, gerando conhecimento, concedendo sugestões para que o Governo possa qualificar suas política públicas”.

Nicolino Trompieri, coordenador de Contas Regionais do Ipece

“O instituto participou de políticas públicas de importância para o Estado, como a partição do ICMS”.

 

Cláudio Nogueira, diretor de Estudos de Gestão Pública do Ipece

“Temos a missão de auxiliar o Governo em várias frentes. Uma delas é a reforma administrativa que o Estado vai realizar”.

 

Flávio Ataliba, diretor-geral do Ipece

"Nossa missão do é gerar estudos às secretarias para desenhar políticas públicas. Um dos papéis é dar embasamento científico”.

 

Marília Firmiano, gerente de Estatística, Geografia e Informação do Ipece

“O Ipece vem crescendo a cada ano e com novos projetos. Neste ano, estamos com participação das universidades.”

 

INSTITUTO

PROGRAMAÇÃO COMEMORATIVA

 

CAPP E BIG DATA

A programação comemorativa dos 15 anos do Ipece contou com o lançamento do Centro de Análise de Dados e Avaliação de Políticas Públicas (Capp) e do Big Data Ceará.

CONVÊNIOS

Para ampliar a base de dados, o Ipece assinou convênios com com a Secretaria da Fazenda (Sefaz), Fundação Cearense de de Apoio Científico e Tecnológico (Funcap), entre outras entidades.

PARTICIPANTES

O evento do órgão contou com a participação de representantes da Rice University e da University of Iowa, ambas dos Estados Unidos

 

ÁTILA VARELA