PUBLICIDADE
Jornal
>

Cresce busca por viagens de Fortaleza para Rússia

Com o sorteio dos jogos, no início deste mês, a procura por pacotes de viagens nas agências se intensificou. A expectativa é que as vendas para o destino que receberá o Mundial de Futebol duplique no próximo semestre

19/12/2017 01:30:00
NULL
NULL

[FOTO1]
Com a definição dos grupos da Copa do Mundo de 2018, cearenses se programam para conhecer a Rússia e assistir aos jogos do Brasil.

Agências de viagem tiveram aumento na procura por pacotes logo após o sorteio dos jogos, realizado em Moscou, pela Federação Internacional de Futebol (Fifa), no último dia 1º de dezembro. Opções mais econômicas saem a partir de R$ 10 mil por pessoa.


O jornalista Didio Theorga, 23 anos, se prepara para a primeira viagem internacional. Há cerca de um ano, planeja viagem à Rússia, onde pretende passar 16 dias. Ele calcula desembolsar em torno de R$ 10 mil no total de despesas, incluindo aéreo, hospedagem, deslocamentos e alimentação.


Animado, diz que já conversou com várias pessoas que já visitaram o País e conta sobre a surpresa com o valor a investir. “Não vai sair tão caro quanto imaginei. As pessoas que conversei dizem que lá é bem barato”, afirma.


O rublo russo é a moeda oficial da Rússia. R$ 1 equivale a 17,85 rublos; 1 euro = 69,28 rublos; US$ 1 = 58,68 rublos, segundo cotação no Banco Central do Brasil, realizada ontem.

[QUOTE1]
As hospedagens para Moscou, São Petersburgo e Nizhny Novgorod já estão reservadas pelo Airbnb e Booking.com, revela Didio. No total, ele deve pagar cerca de R$ 600 para o período de 13 a 28 de junho. A passagem aérea ainda não foi comprada, mas os valores estão entre R$ 3.900 a R$ 4.500 saindo de Recife, com trechos pelas companhias aéreas Condor e Aeroflot.


Didio se cadastrou para cinco jogos pelo site da Fifa: Argentina e Islândia (16/6); Rússia e Egito (19/6); Brasil e Costa Rica (22/6); Inglaterra e Panamá (24/6); e Brasil e Sérvia (27/6). “Estou calculando pagar entre R$ 1.600 a R$ 1.800 no total, na categoria 3, a mais barata”, observa o jornalista.


A comunicação não deverá ser um problema para Didio, que domina o idioma inglês. O jornalista espera com grandes expectativas pela primeira viagem internacional, onde passará também o dia de seu aniversário, comemorado no dia 22 de junho, vivenciando uma nova cultura. “Passar duas semanas em um lugar totalmente desconhecido vai me ajudar a evoluir bastante como pessoa”.

Demanda por pacotes


Paulo Neto, gerente do Mercado de Lazer da Casablanca Turismo, estima que as vendas para a Rússia deverão duplicar próximo ano por conta da Copa. Neste ano, a agência já vendeu pacotes para grupos. “Depois da definição dos grupos, realmente a procura iniciou.

No fim do dia, já havia gente ligando”, lembra.


Atualmente, a Casablanca oferece dois pacotes direcionados para a Copa, incluindo somente a parte terrestre, sem ingressos. “Para alguns países com distância cultural e de idioma, o cearense gosta de ir em grupo e assessorado”, explica Paulo Neto, comparando com a venda de pacote individual para o destino.


Para 2018, Paulo Neto está animado com a busca por viagens para a Rússia. Ele prevê um crescimento de 25% nas vendas da agência.

“Teremos ano repleto de feriados, com Copa do Mundo. Será um ano muito bom e promissor”.


O gerente geral da CVC no Ceará, Arley Abreu Silva, estima que as vendas de pacotes de viagens de Fortaleza para a Rússia cresçam em média 20%. Os clientes que estiverem interessados em assistir de perto ao Mundial de Futebol já podem procurar as lojas da agência. “A gente percebeu que, após o sorteio dos grupos, as pessoas começaram a nos procurar mais”, afirma, destacando que a Capital será beneficiada com os voos da Air France-KLM/Gol a partir de maio de 2018 e, consequentemente, com conexões mais vantajosas para a Rússia.

Passagens aéreas


Os preços de passagem aérea para Rússia são variados. Não há voo direto e, a depender do número de conexões e tempo de viagem, o preço maior justifica a escolha, analisa Paulo Neto.


Segundo a cotação da Casablanca, os valores variam a partir R$ 7.300 (Lufthansa), passagem de ida e volta, já com todas as taxas inclusas, com direito a levar duas bagagens de 23kg. No valor máximo, o aéreo pode chegar até de R$ 12.800 (Air France). 

 

Saiba mais


O período da Copa vai de 14 de junho a 15 de julho de 2018. Ao todo, serão onze cidades-sede: Moscou, São Petersburgo, Kazan, Nizhny Novgorod, Samara, Sochi e Kaliningrado, Saransk, Rostov-on-Don, Ekaterinburgo e Volgogrado.

O Brasil ficou no grupo E, juntamente com as seleções da Suíça, Costa Rica e Sérvia. O jogo de estreia da seleção brasileira será contra a Suíça, em Rostov, dia 17 de junho de 2018. Em seguida, pega a Costa Rica (22/06), em São Petersburgo, e finaliza a primeira fase contra a Sérvia (27/11), em Moscou. 

[FOTO2]

 

Cristina Fontenele

TAGS