PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

CrediAmigo libera R$ 10 bi em microcrédito no Nordeste

O montante, disponibilizado anualmente, chega a R$ 2,8 bilhões no CE, diz o superintendente do BNB, Alex Araújo

01:30 | 20/10/2017
Seminário reuniu políticos e membros de entidades que apoiam o micro e pequeno empreendedor JULIO CAESAR
Seminário reuniu políticos e membros de entidades que apoiam o micro e pequeno empreendedor JULIO CAESAR

Apontado como o maior Programa de Microcrédito Produtivo Orientado da América do Sul, o CrediAmigo - do Banco do Nordeste do Brasil - completa 20 anos, liberando anualmente cerca de R$ 10 bilhões para micros e pequenos empreendedores da região Nordeste. Sendo R$ 2,8 bilhões destinados ao Ceará, informou ontem o superintendente de Microfinanças do BNB, Alex Araújo, durante a solenidade de abertura da 11ª edição do Seminário Empreender, no Centro de Negócios do Sebrae, em Fortaleza.

Realizado pelo O POVO, Fundação Demócrito Rocha (FDR) e Sebrae, o evento tem como tema “O Ceará decolou criando oportunidades”, abrigando uma feira que celebra o CrediAmigo. Ao todo, são mais de 40 estandes de expositores, todos clientes do BNB. “Expandimos o CrediAmigo e hoje temos 60% do mercado de microcrédito do Brasil. Liberamos créditos para operações de R$ 400, R$ 500... São valores muito baixos, mas que fazem uma diferença muito grande para quem empreende”, assinala Araújo.

Vice-presidente do Grupo de Comunicação O POVO, João Dummar Neto destacou a relevância dos micros e pequenos negócios para a economia do País. E o evento como acelerador de vocações empreendedoras. “O micro e pequeno empreendedor representa 95% da geração de emprego do Estado e do País. E, ao longo destes 11 anos, o grupo O POVO esteve ao lado dele. Este é o nosso papel: facilitar o acesso à informação para quem quer empreender”.

Secretário-adjunto do Desenvolvimento Econômico do Ceará, Régis Medeiros aponta a “trinca” de hubs (aéreo, portuário e de telecomunicações) como vetores de oportunidades promissoras para as empresas do Estado, sejam elas grandes, médias ou pequenas.

 

Programação

Dia 20

8 horas – Abertura

8h40min – Painel: Um Novo Ambiente para o Desenvolvimento dos Pequenos Negócios no Ceará – Moderadora Neila Fontenele

9h30min – Palestra: Marketing Digital para Pequenas Empresas, com Marcelo Negrini - Moderador W. Gabriel

10h10min – Painel: Os Impactos Econômicos do Hub da Gol/Air France-KLM para a Economia do Ceará com Oportunidades para as MPES e Empreendedores Individuais, com Alexandre Pereira, Alci Porto e Rodolphe Trindade

10h45min – Coffee break

11 horas – Apresentação Economia Criativa

11h10min – Palestra: BPOP - Uma Ferramenta Inovadora de O POVO para o Crescimento dos Pequenos Negócios, com João Dummar Neto e Sanchae Camatti

11h40min – Palestra: A Atuação dos Cucas na Formação de Futuros Empreendedores, com Julio Brizzi – Moderador Fernando Cordeiro

12h15min – Intervalo

13h30min – Apresentação Economia Criativa

13h45min – Painel: Ecossistemas das Startups - Principais Erros dos Empreendedores Iniciantes, com Alex Granjeiro – Moderadora Bárbara Brito

14h30min – Palestra: Hubine: Hub Inovação Nordeste e o Fomento a Negócios Inovadores, com Eduardo Gaspar

15 horas – Palestra: Apresentando a Aceleradora Casa Azul Ventures - Abrindo Portas para Empreendedores, com Raphael Gonçalves

 

15h20min – Palestra: Empreender Saindo da Caixa, com Alcilane Mota

15h50min – Coffee break

16h10min – Painel: Narrativas de Experiências Vitoriosas de Pequenos Negócios no Ceará, com Francisca Wilma Ferreira de Almeida, Charles Diniz Leandro e Dalvani Mota – Moderador Nazareno Albuquerque

17 horas – Sorteios

*Programação sujeita a alterações

 

SERVIÇO

 

11 º Seminário Empreender

Quando: 20 e 21 de outubro, das 8 às 17 horas (sexta) e das 8h30min às 12 horas (sábado)

Onde: Centro de Negócios do Sebrae Ceará (Av. Monsenhor Tabosa, 777, Praia de Iracema)

Inscrições gratuitas no site: http://bit.ly/2x3OnNP0

 

LIGIA COSTA