PUBLICIDADE
Jornal

Após duas altas seguidas, dólar cai e fecha a R$ 3,30

14/06/2017 01:30:00

O mercado de câmbio ajustou o dólar para baixo ontem, depois de dois dias consecutivos de alta da moeda americana, que havia avançado além do teto informal dos R$ 3,30. Um conjunto de fatores contribuiu para a menor pressão de compra, como a alta dos preços do petróleo e o viés de queda do dólar ante outras moedas pelo mundo. O cenário político doméstico trouxe menos novidades, alimentando a cautela do investidor.


"As vitórias do presidente Michel Temer com o julgamento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e com a manutenção do apoio do PSDB não afastaram o desconforto e a falta de confiança do mercado", disse Ricardo Gomes da Silva, diretor da Correparti Corretora. Segundo o profissional, o temor do investidor continua bastante relacionado à possibilidade de novas delações que tenham potencial para comprometer Temer.


Na máxima do dia, o dólar à vista chegou a R$ 3,3343 (%2b0,49%). No início da tarde, no entanto, as cotações voltaram a cair, com mínima de R$ 3,3003 (-0,53%). No fechamento, o dólar à vista negociado no balcão ficou em R$ 3,3088, com recuo de 0,28% ante o real. "O dólar não aguentou se segurar em patamares tão esticados nos mercados à vista e futuro e acabou cedendo", disse um operador focado em mercado futuro.

Adriano Nogueira

TAGS