VERSÃO IMPRESSA

Não foi bom pra ninguém

O Ceará criou várias possibilidades de balançar as redes contra o Coral, mas pecou nas finalizações e apenas empatou com o Ferroviário no "Clássico da Paz"

01:30 | 28/01/2018
[FOTO1]

O primeiro clássico do ano no futebol cearense terminou empatado. Ceará e Ferroviário ficaram no 1 a 1, ontem, no Castelão, em partida na qual o ataque alvinegro abusou de perder gols. O ponto de cada lado foi bem recebido pelos corais, que resistiram à forte pressão alvinegra, mas não agradou ao Ceará nem a sua torcida, que vaiou mais uma vez.


O jogo só começou de fato aos oito minutos, depois que Valdo Bacabal, após cobrança de falta de Diego Silva, acertou cabeçada e fez Everson sofrer o oitavo gol em quatro jogos. A partir daí, no entanto, o Ceará emendou sequência de ataques com chances reais de gol, sem aproveitar nenhuma.


Em campo, o atacante Arthur era o mais incomodado com as finalizações não convertidas. Ele mesmo perdeu três.

[QUOTE1]

Juninho, até então sumido na partida, foi quem levantou a bola para a área no espaço certo para Arthur aparecer e finalizar de cabeça. O gol colocava justiça no placar, mas só o empate era pouco para o Ceará, que seguiu pressionando.


O Ferroviário só teve mais dois lances perigosos durante toda a partida. Um ainda no primeiro tempo, novamente com Bacabal, e outro com Luís Soares, na etapa complementar.


De resto, o Ceará bombardeou a defesa coral. Nos minutos finais, o jogo ganhou tom dramático, já que o empate tinha bom tamanho para o Ferroviário - que chegou aos 8 pontos -, mas era injusto com o Ceará, que necessitava de uma vitória para se recuperar no Estadual.


5ª RODADA


CEARENSE 2018


Ceará 1 - 4-3-3: Everson, Leandro Silva, Bruno Pires, Patrick, Rafael Carioca; Raul (Ricardinho), Pio, Juninho; Roberto (Luidy), Arthur, Douglas Coutinho (Andrigo) Técnico: Marcelo Chamusca


Ferroviário 1 - 4-4-2: Bruno Colaço, Batata, Erandir, Túlio, Sávio; Liniker, Glauber, Diego Silva, Janeudo (Andrei); Valdo Bacabal, Luís Soares

Técnico: Carlos Rabello


GOLS

8min/1º tempo - Diego Silva cobra falta com precisão na cabeça de Valdo Bacabal. Atacante Coral finaliza no canto, sem chances para Éverson 38min/1º tempo -NJuninho rouba a bola na esquerda e cruza para Arthur Cabral, também de cabeça, empatar o marcador

Local -Castelão, Fortaleza-CE

Data - 27/1/2018

Público pagante - 3.503

Renda - NR$ 14.173,00

Público não pagante - 264 (Público Total:3.767)

Árbitro - Adriano Barros

Assistentes - Arnaldo Souza e Samuel Oliveira

 

BRENNO REBOUÇAS

TAGS