PUBLICIDADE
Jornal

Na paz. Famílias no estádio e pedido de casamento

29/07/2017 22:00:00


Quem foi ao Castelão ontem viu uma cena cada vez mais rara nos estádios de futebol, a presença de famílias inteiras. A promoção feita pela diretoria, que permitia a entrada de até cinco pessoas com um só ingresso refletiu na arquibancada. Não faltaram crianças, idosos e casais torcendo juntos.

 

A promoção foi um sucesso, tanto que os “catraqueiros” foram orientados a liberar a entrada de todos que chegassem com família, mesmo que os ingressos promocionais tivessem se esgotados. Para evitar transtorno. Foram disponibilizados 1.500 bilhetes.

 

O geólogo Valdecides Júnior, 40, aproveitou. Levou a esposa Adriana, 39, o filho Adrian, 8 e os sobrinhos Adriel, 7 e Ana Sophia, 4. “Já estava com uns dois anos que eu não vinha pro estádio com todo mundo. Quem traz a família pro estádio não vem com intenção de brigar, mas de prestigiar o Fortaleza.”, disse.

 

A promoção era para cônjuges, mas o estudante Osvaldo Barbosa, 20, conseguiu entrar com a namorada e a irmã dela. “É uma iniciativa boa da diretoria porque a violência está muito comum nos estádios. É um jeito de resgatar a família. A gente percebe que aqui (setor especial) o ambiente é totalmente tranquilo, todo casal com uma criança do lado. Isso motiva a vir”, opinou.

 

O clima na arquibancada era tão diferente que no intervalo da partida teve um pedido de casamento foi transmitido pelos telões do estádio. A torcida comemorou também.

 

Adriano Nogueira

TAGS