PUBLICIDADE
Jornal

ANS. Planos de saúde garantem cobertura para exames

10/06/2017 17:00:00

Os planos de saúde regulamentados no País têm garantida cobertura contra chikungunya, entre exames e procedimentos. A informação é da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). “É, portanto, obrigação da operadora garantir que a sua rede de prestadores forneça os testes a que o beneficiário tem direito”, afirma a Agência. O mesmo serve para casos de dengue e zika.  

“Se o plano de saúde se negar a cobrir o procedimento ou se o beneficiário tiver qualquer dificuldade para realização dos testes junto aos prestadores, o consumidor deve procurar a operadora para que ela resolva o problema e registrar reclamação na ANS”, esclarece a ANS em nota enviada ao O POVO.  

A Unimed Fortaleza destaca que todos os planos regulamentados da operadora seguem a legislação. “Lembrando que, o rol da ANS contempla a sorologia para chikungunya e que não há diretrizes de utilização da ANS para este exame, portanto é liberado sem restrições. 

 

A única exceção acontece se forem solicitadas duas sorologias em um período inferior a 15 dias”, disse a empresa por meio de nota. “Casos como este, tal solicitação é enviada para auditoria médica analisá-la, e, para que haja a liberação, pode vir a ser solicitado um relatório do médico assistente”, exemplifica.

A Hapvida também destaca que os planos da operadora possuem cobertura caso os usuários sejam acometidos pela doença. “O plano também cobre o atendimento fisioterapêutico, com tratamento para alívio das dores, e também realiza exames sorológicos da doença”, explica a empresa. A Unimed Norte-Norte e a Amil foram procuradas pelo O POVO, mas não houve retorno da demanda até o fechamento da edição. (Átila Varela)

TAGS