PUBLICIDADE
Jornal

Frases

06/05/2017 17:00:00
NULL
NULL

“Brincadeira quase juvenil... esses jovens não têm vivência institucional... Não cabe a procurador da República nem a ninguém pressionar o Supremo Tribunal Federal”
 

GILMAR MENDES, ministro-presidente da 2ª Turma do STF, que decidiu pela revogação da prisão do ex-ministro José Dirceu (foto). Ele referiu-se à atitude dos procuradores que apresentaram nova denúncia contra Dirceu no mesmo dia em que seria decidida liberação do ex-ministro. Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowksi votaram a favor

“NÃO FOSSE A AÇÃO RIGOROSA, MAS NECESSÁRIA DO PODER JUDICIÁRIO, É PROVÁVEL QUE CORRUPÇÃO E LAVAGEM ESTIVESSE PERDURANDO ATÉ O PRESENTE MOMENTO. QUER SEJAM VIOLENTOS OU NÃO, A PRISÃO JUSTIFICA-SE PARA INTERROMPÊ-LOS, PARA PROTEGER A SOCIEDADE DE SUA REITERAÇÃO”
 

CELSO DE MELLO, ministro decano do STF, integrante da 2ª Turma, que acompanhou o voto do relator, o ministro Edson Fachin, contrário à liberação de José Dirceu, que foi ministro forte do governo Lula

“Esperanças foram frustradas... A prisão é um remédio amargo, mas necessário, para proteger a sociedade contra o risco de recidiva, ou mesmo avanço, da perigosa doença exposta pela Lava Jato”
 

DELTAN DALLAGNOL, procurador da República, integrante da força-tarefa da Operação Lava Jato, sobre a decisão do STF de libertar do ex-ministro José Dirceu, em texto publicado no Facebook

“É AUTORITÁRIO QUERER EMPAREDAR O SUPREMO E O CONGRESSO. MELHOR FAZER INVESTIGAÇÕES CAUTELOSAS, DENÚNCIAS SEM ESPALHAFATO E RESPEITAR O PAPEL DE CADA INSTITUIÇÃO DO PAÍS, PORQUE UMA DEMOCRACIA DEMANDA FREIOS E CONTRAPESOS”
 

KENNEDY ALENCAR, jornalista, sobre a polêmica entre procuradores e ministros do STF

“A Lava Jato não está ameaçada, não estará”
 

CÁRMEN LÚCIA, presidente do STF

 

“SÓ ESPERO QUE AS REFORMAS DEEM CERTO E NÃO HAJA NECESSIDADE DE PEDIREM PARA EU CONTINUAR”
 

MICHEL TEMER (PMDB), presidente
da República, em entrevista à RedeTV!
 

“O que está acontecendo com o Brasil? Um País perplexo diante de agentes públicos e privados que ignoram a ética e abrem mão dos princípios morais, base indispensável de uma nação que se queira justa e fraterna"
 

TRECHO de nota lançada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), ao final da 55ª Assembleia Geral da entidade
 

“Meu chapa, você pode tentar negociar uma coisa ligada à campanha. Pode salvar seu negócio. Podemos passar pouco tempo na cadeia...Mas nossas putarias têm que continuar”
 

SÉRGIO CORTES, ex-secretário da Saúde do Rio de Janeiro, na gestão Sérgio Cabral (PMDB), em email ao empresário Miguel Iskin, interceptado pela Polícia Federal. Os dois foram presos e denunciados por obstrução de Justiça em mais uma fase da Operação Lava Jato


“É um excelente quadro, preparado, experiente. O momento é de extrema delicadeza política. Isso quer dizer que você tem que pegar os melhores e escalar nas melhores posições... Ele será um aliado importante nesse processo de aprovação das reformas, então nós temos que trabalhar juntos”
 

ROMERO JUCÁ (PMDB-RR), líder do Governo no Senado, minimizando a crise da bancada com o líder Renan Calheiros

“Aquilo não é um tríplex, são três Minha Casa, Minha Vida, um em cima do outro... Você acha que o Lula precisa daquele BNHzinho?”
 

PAULO MALUF (PP-SP), deputado federal, sobre o imóvel do Guarujá que teria sido dado a Lula pela OAS. Maluf considera que tudo é “pura mesquinharia”
 

“Saio porque sou honesto, porque não me curvei e jamais me curvarei para fazer o malfeito”
 

ANTÔNIO FERNANDES TONINHO COSTA, ex-presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), demitido na sexta-feira, atacando o governo Temer e a condução das políticas indigenistas  

 

“FOI UMA MALDIÇÃO... DEPOIS DE O TER CONHECIDO JÁ NÃO CONSEGUI GOSTAR DE MAIS NINGUÉM”


PILAR DEL RIO, mulher do escritor José Saramago, responsável pela Fundação que leva o nome do escritor português. Ela recebe este mês o Prêmio Luso-Espanhol de Cultura
 

“NÃO, EU NÃO FUI AMANTE DE JOSÉ MAYER... NÃO FIZ ACORDO COM NENHUMA PARTE ENVOLVIDA E MUITO MENOS RECEBI ALGUM DINHEIRO... NÃO BARATEIEM A MINHA HISTÓRIA. ATÉ PORQUE ELA É DE MUITAS DE NÓS. MOVEMOS UM POUCO A ESTRUTURA. AGORA É SEGURAR O REBITE”
 

SU TONANI, figurinista que denunciou o assédio do global José Mayer, no blog #AgoraÉQueSãoElas, reagindo a comentários de que ela teria sido amante do ator. Ela apelou para que
não revitimizassem
 

“OPINIÃO É VOCÊ PREFERIR ESTROGONOFE DE FRANGO OU DE CARNE. NÃO DEIXAR QUE ALGUÉM BUSQUE SUA PRÓPRIA IDENTIDADE NÃO É OPINIÃO, É OPRESSÃO”
 

NETFLIX, em resposta a um internauta que fez comentário transfóbico ao trailer do documentário Laerte-se, que traz a trajetória da cartunista Laerte Coutinho e estreia dia 19 de maio 

 

“EU COMPONHO AINDA. NÃO LARGUEI A MÚSICA, SÓ LARGUEI O PALCO. PULEI MAIS DE 50 ANOS, TÁ BOM, NÉ?!”
 

RITA LEE, roqueira, em entrevista ao programa Conversa com Bial, da Globo, que estreou na última quarta-feira
“Suas canções não são das que morrem. Ele prefigurou os anos 80 em termos globais e se instalou na memória profunda da história da criação de música popular no Brasil. As pessoas que enchiam os teatros a cada reaparição do bardo cearense entendem o sentido dessa história”
 

CAETANO VELOSO, cantor, compositor e escritor, sobre Belchior, em artigo para o Estadão
 

“Eu bebia demais. O álcool virou um problema”
 

BRAD PITT, ator, sobre o fim do seu casamento com a atriz Angelina Jolie 

TAGS