PUBLICIDADE
Jornal
Limpeza urbana

Fiscalização intensiva de grandes geradores de lixo segue até fevereiro

| Principais corredores da Capital |

25/01/2019 06:36:33
OPERAÇÃO começou ontem na Cidade dos Funcionários
OPERAÇÃO começou ontem na Cidade dos Funcionários

O amontoado de lixo em diversos pontos de Fortaleza tem aumentado nos últimos dias, após os ataques registrados em todo o Ceará desde o dia 2. Desde ontem, operação especial intensifica a fiscalização de grandes geradores de resíduos sólidos na Capital.

A classificação corresponde a estabelecimentos que produzem mais de 100 litros de lixo comum, 50 litros de entulho de construção civil ou qualquer quantidade de lixo com risco de contaminação ambiental ou biológica. A ação deve continuar até fevereiro, segundo a Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis).

A operação começou pela avenida Desembargador Gonzaga, na Cidade dos Funcionários. Conforme a Lei nº 10.340, grandes geradores de resíduos sólidos devem possuir e cumprir o estabelecido em seu Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos (PGRS). "Desde a regulamentação da lei, a gente vem atuando. Intensificamos agora por causa do momento turbulento, em que houve a redução da coleta que hoje já está estável, e porque recebemos denúncias em relação a alguns grandes geradores que se aproveitaram do momento para fazer descarte irregular", explica o superintendente da Agefis, Júlio Santos.

ANA RUTE RAMIRES