VERSÃO IMPRESSA

Parque Botânico, em Caucaia, ganha programação fixa dominical

Viva o Parque Botânico foi lançado na manhã de ontem. Similar ao Viva o Parque, no Cocó, o projeto visa promover atividades de lazer mais próximas da população que mora no outro lado da Capital e na RMF

01:30 | 20/11/2017

[FOTO1]No dia a dia corrido, por vezes é difícil perceber que há um mundo de natureza a ser explorado em meio à agitação da vida urbana. Algumas áreas verdes, como o Parque Estadual Botânico do Ceará, em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza, são desses lugares desconhecidos por muitos. Com o intuito de incentivar a descoberta do local, o projeto Viva o Parque Botânico foi lançado, na manhã de ontem. 

 

[SAIBAMAIS]

Atividades como dança, brincadeiras infantis, apresentações culturais, trilha e distribuição de mudas serão realizadas todos os domingos, das 8 às 12 horas. Uma oportunidade para desacelerar da rotina e se divertir em contato com a natureza perto da Capital. De acordo com o titular da Secretaria do Meio Ambiente do Estado (Sema), Artur Bruno, o objetivo do projeto é levar a programação, semelhante à realizada aos domingos no Parque do Cocó, à outra região.


“Queremos que o Parque Botânico vire um local de encontro da família na Região Metropolitana de Fortaleza, como já é o Cocó do lado Leste da Cidade. O Cocó tem reunido famílias que fazem piquenique, aniversários, encontros religiosos. Sentimos falta de um equipamento semelhante do lado Oeste da Cidade e perto de Caucaia, segundo município mais populoso do Estado”, destacou.


Experiências


Pula-pula, amarelinha, piscina de bolinhas, apresentação de Toré com representantes da comunidade Abatapeba, aula de zumba e capoeira, dentre outras atividades, animaram a manhã de quem passou por lá ontem.


A estudante Estephany Martins, 22, gostou da novidade. Moradora do Timbó, na Caucaia, nas proximidades do parque, ela comemorou a realização do evento. “Fazia tempo que não vinha aqui. Resolvi trazer meus sobrinhos para conhecer. Antes não tinha uma programação assim perto de casa. Era o Cocó ou então praia”, elogiou. A sobrinha, Laryssa, 8, fez coro à tia. Com suor, rubor e sorriso de criança que corre solta e explora o verde, ela contou as experiências: “fiz a trilha, fui no pula-pula e agora vou brincar de novo”, enumerava.


A representante comercial Irineide Santos, 41, comparou: “eu fui criada subindo em árvore. Brincava em um quintal enorme. As meninas não têm isso”, contou sobre as filhas Julia, 13, e Clara, 8. Se subir em árvores era parte do cotidiano da mãe na infância, para a caçula a brincadeira gera expectativa diferente. “É meu sonho!”. As diferentes perspectivas se uniram em um mesmo caminho, na trilha do parque — uma forma de conhecer a área e aproximar o que era novidade para uma e lembrança para a outra.


“A gente sempre passa por aqui quando vamos à praia e surgiu a curiosidade. Resolvemos vir conhecer. Aqui elas se integram mais com outras crianças, estimulam a criatividade e desopilam bem mais”, considerou Irineide.


George Feijão, gestor do parque, explicou que apesar de algumas programações já terem sido realizadas no local com o Viva o Parque — em versão de “projeto-piloto”, conforme Feijão — a nova versão é fixa e conta com parcerias locais. 

 

Serviço

 

Projeto Viva o Parque Botânico

Quando: aos domingos

Onde: Parque Botânico (CE 090, Km 3, Itambé, Caucaia)

Horário: das 8 às 12 horas

Atividades gratuitas.

ANA RUTE RAMIRES

TAGS