PUBLICIDADE
Jornal

Barcos serão usados contra poluição de rios do Ceará

26/08/2017 01:30:00
NULL
NULL
[FOTO1]

Uma tecnologia inédita no País começa a ser usada nos rios, lagoas, açudes e no mar do Ceará. Batizado como Iracema, o Instrumento Robótico Autônomo para Coleta e Monitoramento Ambiental é um barco com capacidade de realizar batimetria (dimensionar relevo do solo do mar), medir profundidade de mares e lagos, coletar dados de amostras e monitorar reservas ambientais. O Iracema deve ser usado para despoluir os afluentes do Estado. O uso da embarcação foi inaugurado na manhã ontem, no Cocó.


O Iracema permite o funcionamento por controle remoto e tem capacidade de instalação de energias renováveis, como placas solares. Duas embarcações foram compradas. O investimento total foi de R$ 2 milhões, com recursos dos Governos Federal e do Estado.


O governador Camilo Santana (PT) aponta que as embarcações devem ajudar no projeto de despoluição dos rios do Ceará, incluindo o Cocó. “Temos o intuito de fazer o desassoreamento (retirar o acúmulo de entulhos) e dragagem do (rio) Cocó. Um projeto para dar navegabilidade e balneabilidade ao maior manancial de Fortaleza”, detalha. O titular da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece), Inácio Arruda, informa que as embarcações têm capacidade para verificar a qualidade da água e têm câmeras instaladas para auxiliar na pesca. (Angélica Feitosa)

Adriano Nogueira

TAGS