PUBLICIDADE
Jornal

Prefeitura e Bloomberg ampliam parceria com foco em saúde

Com ações conjuntas há dois anos, executivo municipal e fundação expandem ações voltadas para segurança viária e, a partir de agora, atividades físicas e promoção de saúde pública contra doenças não-transmissíveis

20/05/2017 01:30:00
NULL
NULL
[FOTO1]

Oferecer apoio para o desenvolvimento de soluções para a promoção de atividades físicas e segurança viária. Com esse objetivo, foi anunciada ontem a ampliação da parceria entre a Prefeitura de Fortaleza e a Bloomberg Philanthropies, fundação ligada a empresa americana homônima que atua no ramo de dados para o mercado financeiro e comunicação. Atuando em conjunto com a gestão municipal há dois anos na área de trânsito, a cooperação pelos próximos 18 meses também será voltada para a promoção da saúde.


O foco se volta especificamente para as chamadas doenças não-transmissíveis, responsáveis por 44 milhões de mortes por ano, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). Entre as com maior mortalidade estão as doenças cardiovasculares e os casos de acidente vascular-cerebral (AVC). É nesse ponto que segurança viária e cuidados com a saúde podem convergir.


“À medida que estimulamos o ciclismo como meio de transporte e atividade diária, levamos um ganho coletivo à Cidade. Mas também à saúde pessoal. Pessoas que fazem isso têm tendência menor a desenvolver diabetes, hipertensão e doenças cardiovasculares”, exemplificou o prefeito Roberto Cláudio (PDT), mencionando as ações com caráter educativo, de pesquisa e implantação de elementos que estimulam o ciclismo urbano.


A Bloomberg tem parceria com a Prefeitura especificamente sobre segurança viária. O acréscimo das atenções voltadas para a saúde são vistas como nova etapa da cooperação.


“A iniciativa como um todo é para prevenir acidentes que podem ser previstos. Nós trabalhamos especificamente com desenho urbano, o que tem papel fundamental na prevenção de acidentes. Trabalhar isso convidando pessoas a ocupar e praticar atividades físicas, você promove saúde pública na Cidade”, complementa Fabrizio Prati, desenhista urbano italiano da Bloomberg.


Condutor da esperança

Além do anúncio de ampliação da parceria, foi apresentado o projeto Condutor da Esperança. O objetivo é atrair a sociedade civil e a iniciativa privada para estímulo e uso sustentável do espaço público.

Os encontros e discussões vão ocorrer na Escola Municipal de Mobilidade Urbana, ao lado do Parque Adahil Barreto, em parceria com a empresa Estar Urbano. A proposta é que lá sejam planejadas ações como implantação de mobiliários urbanos, intervenções socio-educativas que busquem o melhor uso dos espaços públicos.

João Marcelo Sena

TAGS