Participamos do

Custo para atender controles é alto e sai do mesmo caixa

17:00 | Ago. 05, 2017
Autor Jocélio leal
Foto do autor
Jocélio leal Editor-chefe dos núcleos de Economia e Negócios (Veículos, Imóveis e Empregos&Carreiras)
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O custo para atender às diversas demandas dos órgãos de controle não é desprezível. Nesta planilha entra muita gente e muita infraestrutura. O mais caro é pessoal. No final das contas, uma mega despesa corrente que sai do mesmo caixa que se busca proteger. A Universidade Federal do Ceará (UFC), por exemplo, não tem menos do que 80 servidores dedicados à tarefa de zelar e dar respostas às cobranças externas, da CGU, dentre outras.


As distorções inerentes ao engessamento da burocracia estatal possuem contornos patéticos. Uma passagem aérea ou uma hospedagem não podem ser adquiridos em sites de viagens, com possibilidade de menor custo. A compra é amarrada à agencia de turismo licitada. E por aí vai. E é tipo de cenário no qual ninguém empunha a bandeira em defesa de menos controle. Mas, decerto, de tornar mais eficientes os processos.


MALAS DA TAP

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A TAP começou a vender, para embarques a partir de 1º de setembro, novos padrões de franquias de bagagens na classe econômica. São seis classes tarifárias. Vai da Discount (para quem não precisa despachar bagagem no porão) até a Plus (até três bagagens de 23kg cada). Na classe executiva serão dois tipos.

 

IBIAPABA


Flores da serra

Neste domingo e segunda 35 floristas-lojistas de Fortaleza, ligados à Associação do setor, a Aceflor, vão subir a Serra da Ibiapaba. Irão olhar produção, pós colheita e conservação de flores, avaliar a padronização/classificação e farejar compras para este segundo semestre. Estarão no grupo Swart, em Ubajara; na pioneira Cearosa e na Fazenda Flora Fogaça, em São Benedito.

 

JOGO RÁPIDO


FALÁCIAS. Não custa lembrar. Recessão e desemprego foram “doenças” que “contraímos” nos governos passados. Não foram transmitidas pelo atual, embora cheio de mazelas.


Magazine Luiza cresce no digital e físico

O Magazine Luiza teve o sexto trimestre consecutivo de melhoria em todos os seus indicadores. A companhia atribui o desempenho à transformação em uma plataforma digital. Hoje, o e-commerce já representa 28% do faturamento total. Mas as vendas das lojas físicas também subiram. A companhia acredita muito nelas. Alta de 15% no trimestre. São 814 , com novas 27 nos últimos 12 meses.Desde maio de 2011, a companhia é listada no Novo Mercado da B3. Nos últimos anos, fez 14 aquisições, consolidando sua presença nacional. Atualmente, o Magazine Luiza emprega cerca de 20 mil funcionários.

OBOÉ


Uma galeria em leilão

No VI Leilão de Obras de Artes da Oboé, marcado para o dia 22, às 18h30min, em sala de cinema do Shopping Del Paseo, há 109 lotes de artistas importantes. Na galeria, nomes como Aldemir Martins, Chico da Silva e Portinari. As obras estarão em exposição a partir do dia no Shopping Avenida. Todos os lotes serão acompanhados do Certificado de Autenticidade.

 

No horizonte da equipe econômica

A equipe econômica trabalha com a seguinte conta. O que não for gasto em 2017 abre espaço fiscal para 2018. A rigor, algo positivo porque a queda da inflação surpreendeu pela rapidez. No ano passado, o limite da despesa para este ano foi corrigido com uma inflação de 7,2%. Já o teto para o próximo ano foi atualizado por inflação de 3%. Assim, calcula, seja qual for a divisão das despesas deste do ano que vem, no biênio, já se terá uma redução da despesa primária do PIB em torno de 0,8%. Seria o primeiro biênio desde a Constituição de 1988. A propósito, ainda que o Governo libere dinheiro a rodo, não haveria como atingir o teto da PEC pela simples falta de receita. A distância para o teto aprovado é de R$ 45 bilhões.

IMÓVEIS


Ceará-Flórida

A VivA Imóveis fechou parceria com a Selecta Realty, de Orlando, no estado norte-americano da Flórida. Juntas vão vender imóveis em Orlando e Miami para clientes cearenses e promover imóveis de praia no Ceará para brasileiros e estrangeiros que moram nos EUA. Paulo Angelim,diretor da VivA, diz que a Selecta vai oferecer casas compartilhadas em condomínios de Orlando pelo sistema VivA Vacation, que já opera em resorts de praia no Ceará. Comprando frações de um imóvel - aqui ou lá - os clientes podem usar nos outros resorts do sistema. A parceria será apresentada em evento fechado a convidados, no próximo dia 12 de setembro, no Coco Bambu Meireles.


NOVOS ALUNOS


Ser Educacional com 150 mil

A Ser Educacional S.A, presidida por Janguiê Diniz, fechou o segundo trimestre com 149,9 mil novos alunos de graduação (presencial e a distância). Isto implica aumento de 6% ante o segundo tri em 2016. A receita líquida atingiu R$ 326,2 milhões no 2T17, um aumento de 12,7% em relação ao 2T16. A pernambucana Ser é dona da Uninassau, com campi em Fortaleza.

 

Horizontais

* Web. A cearense Morphus, especializada em cibersegurança, estará nos próximos dias 8 e 9 em São Paulo no Gartner Security & Risk Management Summit Brazil 2017, a conferência de segurança e gestão de risco para líderes do segmento.


* RÁDIO. De segunda a sexta-feira tem Vertical S/A a qualquer momento nas rádios Mucuripe FM e O POVO CBN.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente