Caminho para a felicidade? ela tem a direção!
PUBLICIDADE

VERSÃO IMPRESSA

Caminho para a felicidade? ela tem a direção!

2018-11-25 00:00:00
NULL
NULL
[FOTO1]

Uma vida dedicada a entender, cientificamente, os mecanismos que levam à plenitude humana, à felicidade. Psicóloga e antropóloga formada em Harvard, doutora em Psicologia Transpessoal pela Universidade de Greenwich (EUA) e autora de best-sellers como Stress a Seu Favor, a monja Susan Andrews vem a Fortaleza, no dia 28, lançar seu novo livro: Meditação: o que dizem os cientistas e sábios. Do Instituto Visão Futuro (www.visaofuturo.org.br), espaço de formação que fundou e coordena em Porangaba (SP), Susan aponta, em entrevista, os caminhos para uma nova compreensão da experiência humana, mais consciente e feliz. Quem quiser poderá conhecer a "embaixadora da felicidade" quarta-feira no shopping RioMar Fortaleza, mas, até lá, fiquemos com suas palavras... 

 

O POVO: Existe segredo para atingir a felicidade? Qual o caminho?

 

Susan Andrews: Segundo a "ciência hedônica" - a sistemática pesquisa sobre as fontes da felicidade humana - o segredo não é como diz o mantra americano "mais é melhor" (mais e mais bens materiais trazem mais felicidade). Após um certo ponto de riqueza, mais bens materiais não trazem mais satisfação. O que importa são os chamados "fatores não-materiais", tais como companheirismo, famílias harmoniosas, relacionamentos amorosos e uma sensação de se viver uma vida significativa.

 

OP: Ao mesmo tempo em que a ciência, os estudos e práticas avançam na busca de soluções para a humanidade, é cada vez mais comum as pessoas se sentirem deprimidas e sem propósito. Estamos caminhando no mesmo sentido como sociedade?

 

Susan: O modelo principal para o progresso no mundo ocidental tem sido, até agora, o chamado "Sonho Americano". Precisamos de um novo modelo, baseado não nos valores de competição, conquista e consumismo, mas na conexão, cooperação e compaixão. As pesquisas mostram consistentemente que, quanto mais as pessoas valorizam metas materialistas, mais baixas se tornam sua felicidade e satisfação na vida e se reduzem as emoções prazerosas e positivas que elas experienciam diariamente. Depressão, ansiedade e abuso em substâncias também são mais elevadas naquelas pessoas que estão sob a sedução do materialismo. Os sentimentos de fraternidade e altruísmo são as nossas mais poderosas fontes para o bem-estar e a felicidade.

 

OP: Um dos seus best-sellers ensina a lidar com o estresse de uma forma positiva. Como isso é possível em momentos difíceis?

 

Susan: Nós não podemos e não devemos tentar evitar o estresse. Segundo os especialistas, "ausência de estresse é morte". Porém existe o estresse bom e o estresse ruim. O bom é essencial para o nosso desenvolvimento, nos mobiliza, energiza, ajuda a concentrar todas as nossas forças para melhorar o nosso desempenho.

O vilão da história do estresse é o excesso do hormônio cortisol, que se torna tóxico para nossas mentes e corpos. Esse excesso de cortisol tem sido ligado a muitas enfermidades físicas e mentais, incluindo depressão e câncer. E quando que o cortisol é secretado em excesso? Durante estresse de longo prazo, sem pausas para recuperação; e quando sentimos cronicamente emoções negativas, tais como hostilidade, irritabilidade e raiva. A chave para fazer com que o estresse aja a nosso favor é de criar pausas para recuperação durante o dia.

 

OP: Seu novo livro incentiva as pessoas à meditação, de que forma esta prática pode ajudar o homem contemporâneo?

 

Susan: Inúmeros artigos acadêmicos têm sido escritos sobre os benefícios da meditação como uma panaceia para tudo, desde dor crônica a depressão. No Vale do Silício (EUA) é louvada como a "nova cafeína", que irá estimular a produtividade e impulsionar carreiras.

Acho que um dos grandes benefícios é o de aumentar a nossa autoconfiança. Estamos vivendo em tempos difíceis. Como disse um sábio, em tempos como esse, a única segurança que podemos ter é a confiança na nossa capacidade de gerenciar a incerteza. E é exatamente isso que a meditação nos dá: a confiança, a fortitude mental e a competência de gerenciar a incerteza.

 

OP: O que esperar de sua apresentação em Fortaleza?

 

Susan: Espero que possa ajudar aos participantes, não apenas a gerenciar o estresse e a incerteza, mas também a encontrar a paz e a felicidade dentro de si mesmos e em suas vidas. E espalhar isso a todos ao seu redor.

 

SUSAN ANDREWS EM FORTALEZA

Lançamento do livro "MEDITAÇÃO: o que dizem os cientistas e sábios"
Dia 28/11 19h
Praça de Eventos do Piso L3 do Riomar Fortaleza
Para saber mais sobre Susan Andrews:
www.visaofuturo.org.br
Facebook.com/visaofuturo

TAGS