Participamos do

Descobertas chilenas

01:30 | Jul. 20, 2018
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

[FOTO1] 

O país que mais exportou vinhos para o Brasil em 2017, com mais de 56 milhões de litros de vinho, é cheio de curiosidades que só uma visita in loco pode sanar. Já pensou em um passeio pelo interior? Vinhedos frios do Sul na região de Curicó, uma hospedagem no litoral do pacífico, na região de San Antonio, e o resgate de uvas tradicionais, tudo isso se encontra nos vinhedos do Chile, vale muito a pena um passeio.

 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Conhece a Grand Vidure?

[FOTO2] 

Uva bastante conhecida do público brasileiro, a Grand Vidure é a uva que trouxe bastante reconhecimento ao Chile. Tratase da famosíssima Carmenere, como era chamada em Bordeaux no século XIX, antes da devastação dos vinhedos europeus e vindo a ser descoberta novamente somente no século XX. A vinícola Carmen, em comemoração aos 20 anos de redescobrimento da uva, lançou um corte de Grand Vidure (carmenere) 60% com Cabernet Sauvignon 40%. Um vinho com muita estrutura e peso, com taninos presentes e de muita qualidade. É uma grande pedida para paladares que gostam de vinhos encorpados.

 

Miguel Torres e o Curicó

[FOTO3] 

Uma vinícola espanhola, que tem no Chile uma grande potência de produção de vinhos e que já se encontra presente em mais de 100 países, buscou o clima frio do vale do Curicó, a 200 km ao Sul de Santiago, para se instalar e produzir verdadeiras joias no Chile. Com um grande restaurante e uma boa sala de provas, a vinícola conta com uma equipe de enoturismo que realiza passeios pela vinícola e a apresentação da produção e suas vinhas. Uma oportunidade muito boa de provar grandes vinhos e ouvir todas as explicações dos seus métodos de produção. Como recomendação imperdível a linha Gran Reserva conta com passagens de 12 e 18 meses de barris de carvalho francês, o que faz com que seja bem complexo e denso em todas as suas uvas.

 

Casa Marin no Valle de San Antonio

[FOTO4] 

Já imaginaram se hospedar no meio das vinhas? A Casa Marin, no vale de San Antonio, na novíssima DO chilena Lo Abarca, dá essa possibilidade. Em um bangalô localizado no meio dos vinhedos de uvas brancas da vinícola Casa Marin, Sauvignon Blanc, Gewurztraminer e Riesling, você se isola do resto do mundo, aproveita uma vista linda dos vinhedos e da região, que é famosa pelos seus excelentes vinhos. A Casa Marin produz vinhos brancos de muita qualidade. Eu ressaltaria o caráter marinho do Riesling, com uma acidez super refrescante, que faz do vinho uma harmonização fantástica para pratos como uma peixada cearense e comida japonesa.

Renato Brasil

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente