Participamos do

RMF lançou 2.941 imóveis em 2016

01:30 | Mai. 04, 2017
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia
[FOTO1]

A Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) lançou ontem um indicador nacional do mercado imobiliário com censos realizados em 20 cidades, entre as quais Fortaleza. O documento faz um balanço de uma década e afirma que 2016, desde o “boom” imobiliário, foi um ano de extrema retração no setor.


A análise feita com base no levantamento é de que os números refletem a queda no produto nacional de 7,2% no acumulado 2015-2016. Resultado: houve uma diferença de 18,2% entre lançamentos e vendas em todo o Brasil.


No caso da Região Metropolitana de Fortaleza, de acordo com o estudo, de janeiro a dezembro de 2016, foram lançadas 2.941 unidades e vendidas 4.029, o que representa 1.088 imóveis a menos no mercado para ser comercializado.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

DIA DAS MÃES


APOSTA NO SÁBADO


O presidente da Ação Novo Centro e diretor da CDL, Assis Cavalcante, espera movimentação extra no comércio no próximo sábado, devido a proximidade do Dia das Mães. As apostas estão voltadas para as vendas de confecções, eletrônicos e relógios.


Os lojistas acreditam que o Centro também ficará mais ordenado com a saída dos vendedores da feira da José Avelino, o que pode ajudar os comerciantes formais da área.


ABRIL


PREJUÍZOS PARA O COMÉRCIO


O Dia das Mães pode contribuir para a recuperação dos prejuízos do comércio com os feriadões, greve geral e dois dias de queima de ônibus na cidade. Assis Cavalcante afirma que as paralisações prejudicaram as vendas, tornando abril um mês curto para o faturamento das lojas.


AGRONEGÓCIO 1


MAIS DEMANDA POR COMIDA


O consumo de alimentos deve aumentar nos próximos anos. Pelas análises do Instituto Francês de Estudos Demográficos (Ined), até 2050, será necessário produzir 60% a mais de comida no planeta, o que representa uma grande oportunidade para o agronegócio brasileiro.


O CEO da Avine, Airton Carneiro Júnior, diz que ainda é preciso muito investimento em logística, mas que há estruturas no País que dão orgulho e competem bem no mercado global. O episódio da Operação Carne Fraca, realizada pela Polícia Federal, segundo ele, não representa o nível da produção no País.


Ou seja: as empresas devem investir para garantir o abastecimento, porque as demandas mundiais devem surgir.


AGRONEGÓCIO 2


POLÊMICA SOBRE GALINHAS EM GAIOLAS


O Brasil começa a enfrentar a polêmica sobre a produção de ovos com galinhas confinadas em gaiolas. Em várias partes da Europa essa prática vem sendo eliminada,mas no País os movimentos de defesa dos animais começam a se mobilizar neste sentido, pressionando supermercados a mudarem seus fornecedores.


Mesmo com a pressão, a produção de ovos por galinhas fora de áreas de confinamento ainda está distante da realidade. Esse modelo de produção é considerado de alto custo e antiecológico, já que seriam necessárias maiores áreas e investimentos em controles.


O custo do ovo, por exemplo, seria 40% maior, o que reduziria o consumo. A tendência, segundo Airton Júnior, é que esta forma de produção se transforme em um novo segmento, considerado premium.


MERCADO


FEIRA DE BLINDADOS


O Ceará está na terceira posição em quantidade de carros blindados do País pelo ranking do Sistema de Controle de Automóveis Blindados do Exército. Em 2016 foi contabilizado um total de 1.274 automóveis. Para fomentar ainda mais o setor está sendo organizado o 1º Feirão de Blindados de Fortaleza, que acontecerá a partir de amanhã, no LC Corporate Green Tower. A ideia é dar acesso as pessoas com interesse em adquirir veículos usados.


TV


O POVO ECONOMIA


O POVO Economia recebe hoje o CEO da Avine, Airton Carneiro Júnior; o articulador do Escritório do Sebrae-CE, Rafael Albuquerque; e a contadora Nadja Saraiva. O programa será exibido hoje, às 23 horas, na TV O POVO (UHF/aberta – 48; Multiplay – 23; NET – 24).


O regime está atingindo a perfeição: mata de fome os pobres e de raiva os ricos”

Carlos Lacerda (1914-1977), jornalista e político

RÁDIO


O POVO Economia da Rádio O POVO CBN (FM 95.5), a partir das 14 horas. Destaque para o quadro “Sobe e desce da economia”, com o jornalista Nazareno Albuquerque.


TV


Você pode assistir ao programa O POVO Economia também através do portal: tv.opovo.com.br/opovoeconomia.

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente