PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Mercado de imóveis sem o crescimento esperado

2018-02-23 01:30:00

Os sinais de reação do mercado imobiliário em 2017 não foram suficientes para o crescimento do setor.


O relatório trimestral do estudo “Indicadores Imobiliários Nacionais”, realizado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), revela retração na venda e nos lançamentos de imóveis no terceiro trimestre (-5,1% e -11,0% respectivamente).


Os números apresentados até agora não proporcionam nenhuma surpresa, diante da conjuntura nacional com altas taxas de desemprego. O presidente da CBIC, José Carlos Martins, chegou a declarar que os dados corroboram para os alertas feitos sobre a necessidade de medidas que destravem o investimento e o financiamento.


Apesar disso, alguns mercados, como o de São Paulo, Maceió e da Região Metropolitana de Curitiba apresentaram resultados positivos. No caso da Região Metropolitana de Fortaleza o resultado ainda não foi divulgado, mas, pelo o que os representantes das empresas locais relatam, deve haver um saldo também positivo.


As incorporadoras locais se preparam para novos lançamentos em 2018, principalmente no segundo semestre. Há um movimento de preparação de projetos em condições mais fáceis para atrair novos compradores.


DIAGONAL 1


PRÉDIO DE 32 ANDARES


Um dos lançamentos previstos para 2018 é de um prédio de 32 andares no cruzamento das ruas Maria Tomásia e Oswaldo Cruz, no local onde funcionava o Tribunal de Constas dos Municípios.


O empreendimento terá como foco o mercado de alto padrão, com apartamentos de 310 metros quadrados e apenas uma unidade por andar.


DIAGONAL 2


CURVA DE EQUILÍBRIO


O empresário João Fiúza, da Diagonal, acredita na recuperação do setor e antecipa que haverá pelos menos dois lançamentos no segundo semestre. Depois do período mais crítico de turbulência, a aposta é em uma curva de equilíbrio maior entre oferta e procura.


Há a expectativa de queda dos juros para o setor imobiliário. As reduções da Selic ainda não atingiram as negociações de financiamento, mas a esperança é de que as taxas caiam.


URBE.ME


PLATAFORMA DE FINANCIAMENTO


Enquanto as empresas não sentem a redução dos juros, novas formas de financiamento são negociadas. A Porto Freire, por exemplo, fechou acordo com a plataforma Urbe.me, que funciona como uma espécie de investidor-anjo na área imobiliária, entrando como parceira no projeto. A empresa será a primeira no Nordeste a ter esse tipo de financiamento.


EUSÉBIO


FOCO NA ÁREA COMERCIAL


A cidade do Eusébio, que tem se destacado pela construção de condomínios residenciais, também vem atraindo outros negócios imobiliários. A incorporadora Blue Star, por exemplo, está construindo o primeiro empreendimento comercial para o segmento de alto padrão da região, o Office & Medical Center Eusébio. Sua entrega está prevista ainda para este semestre.


BNB


DESCONCENTRAÇÃO


Uma das melhores notícias apresentadas no balanço do Banco do Nordeste de 2017 está na desconcentração de crédito. Pelo que foi apresentado, todos os municípios da região conseguiram recursos com algum tipo de operação. O total de R$ 4,7 bilhões destinados para empreendimentos da área do semiárido é um diferencial importante, já que essa deve ser realmente prioridade.


GRUPO SERVNAC


EDSON AROUCHE ASSUME ÁREA COMERCIAL


O executivo Edson Arouche, ex-BicBanco, ex-Ticket e ex-Casebrás, assumiu a área comercial do Grupo Servnac, que atua em várias áreas – entre elas, vigilância, rastreamento, segurança pessoal e administração de condomínio. Uma de suas metas é implementar novas estratégias.


PRÊMIO


ESPÍRITO PÚBLICO


Profissionais da área pública com contribuições sistemáticas para a solução de problemas no País podem receber premiação. Grupo formado por organizações resolveu estimular boas iniciativas nas áreas de educação, finanças públicas, meio ambiente e segurança.


Servidores de carreira e comissionados com pelo menos 10 anos de trabalho poderão participar. Os vencedores levarão para casa R$ 50 mil e ganharão uma viagem para conhecer o serviço público britânico. As inscrições podem ser realizadas através do site www.premioespiritopublico.org.br até o dia 25 de março.


A demanda por homens, como por qualquer outra mercadoria, regula necessariamente a produção de homens”

ADAM SMITH (1723-1790), filósofo e economista escocês

RÁDIO


O POVO Economia da Rádio O POVO CBN (FM 95.5), a partir das 14 horas. Destaque para o quadro “Atacado e Varejo”, com o jornalista Eliomar de Lima.


FACEBOOK


Curta a nossa página: facebook/opovocbn


TV


Você pode assistir ao programa O POVO Economia também através do portal: tv.opovo.com.br/opovoeconomia.

 

Gabrielle Zaranza

TAGS
Mercado de imóveis sem o crescimento esperado
PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Mercado de imóveis sem o crescimento esperado

2018-02-23 01:30:00

Os sinais de reação do mercado imobiliário em 2017 não foram suficientes para o crescimento do setor.


O relatório trimestral do estudo “Indicadores Imobiliários Nacionais”, realizado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), revela retração na venda e nos lançamentos de imóveis no terceiro trimestre (-5,1% e -11,0% respectivamente).


Os números apresentados até agora não proporcionam nenhuma surpresa, diante da conjuntura nacional com altas taxas de desemprego. O presidente da CBIC, José Carlos Martins, chegou a declarar que os dados corroboram para os alertas feitos sobre a necessidade de medidas que destravem o investimento e o financiamento.


Apesar disso, alguns mercados, como o de São Paulo, Maceió e da Região Metropolitana de Curitiba apresentaram resultados positivos. No caso da Região Metropolitana de Fortaleza o resultado ainda não foi divulgado, mas, pelo o que os representantes das empresas locais relatam, deve haver um saldo também positivo.


As incorporadoras locais se preparam para novos lançamentos em 2018, principalmente no segundo semestre. Há um movimento de preparação de projetos em condições mais fáceis para atrair novos compradores.


DIAGONAL 1


PRÉDIO DE 32 ANDARES


Um dos lançamentos previstos para 2018 é de um prédio de 32 andares no cruzamento das ruas Maria Tomásia e Oswaldo Cruz, no local onde funcionava o Tribunal de Constas dos Municípios.


O empreendimento terá como foco o mercado de alto padrão, com apartamentos de 310 metros quadrados e apenas uma unidade por andar.


DIAGONAL 2


CURVA DE EQUILÍBRIO


O empresário João Fiúza, da Diagonal, acredita na recuperação do setor e antecipa que haverá pelos menos dois lançamentos no segundo semestre. Depois do período mais crítico de turbulência, a aposta é em uma curva de equilíbrio maior entre oferta e procura.


Há a expectativa de queda dos juros para o setor imobiliário. As reduções da Selic ainda não atingiram as negociações de financiamento, mas a esperança é de que as taxas caiam.


URBE.ME


PLATAFORMA DE FINANCIAMENTO


Enquanto as empresas não sentem a redução dos juros, novas formas de financiamento são negociadas. A Porto Freire, por exemplo, fechou acordo com a plataforma Urbe.me, que funciona como uma espécie de investidor-anjo na área imobiliária, entrando como parceira no projeto. A empresa será a primeira no Nordeste a ter esse tipo de financiamento.


EUSÉBIO


FOCO NA ÁREA COMERCIAL


A cidade do Eusébio, que tem se destacado pela construção de condomínios residenciais, também vem atraindo outros negócios imobiliários. A incorporadora Blue Star, por exemplo, está construindo o primeiro empreendimento comercial para o segmento de alto padrão da região, o Office & Medical Center Eusébio. Sua entrega está prevista ainda para este semestre.


BNB


DESCONCENTRAÇÃO


Uma das melhores notícias apresentadas no balanço do Banco do Nordeste de 2017 está na desconcentração de crédito. Pelo que foi apresentado, todos os municípios da região conseguiram recursos com algum tipo de operação. O total de R$ 4,7 bilhões destinados para empreendimentos da área do semiárido é um diferencial importante, já que essa deve ser realmente prioridade.


GRUPO SERVNAC


EDSON AROUCHE ASSUME ÁREA COMERCIAL


O executivo Edson Arouche, ex-BicBanco, ex-Ticket e ex-Casebrás, assumiu a área comercial do Grupo Servnac, que atua em várias áreas – entre elas, vigilância, rastreamento, segurança pessoal e administração de condomínio. Uma de suas metas é implementar novas estratégias.


PRÊMIO


ESPÍRITO PÚBLICO


Profissionais da área pública com contribuições sistemáticas para a solução de problemas no País podem receber premiação. Grupo formado por organizações resolveu estimular boas iniciativas nas áreas de educação, finanças públicas, meio ambiente e segurança.


Servidores de carreira e comissionados com pelo menos 10 anos de trabalho poderão participar. Os vencedores levarão para casa R$ 50 mil e ganharão uma viagem para conhecer o serviço público britânico. As inscrições podem ser realizadas através do site www.premioespiritopublico.org.br até o dia 25 de março.


A demanda por homens, como por qualquer outra mercadoria, regula necessariamente a produção de homens”

ADAM SMITH (1723-1790), filósofo e economista escocês

RÁDIO


O POVO Economia da Rádio O POVO CBN (FM 95.5), a partir das 14 horas. Destaque para o quadro “Atacado e Varejo”, com o jornalista Eliomar de Lima.


FACEBOOK


Curta a nossa página: facebook/opovocbn


TV


Você pode assistir ao programa O POVO Economia também através do portal: tv.opovo.com.br/opovoeconomia.

 

Gabrielle Zaranza

TAGS