Pelé foi realmente...
PUBLICIDADE

VERSÃO IMPRESSA

Pelé foi realmente...

2018-12-21 01:30:00
NULL
NULL
...grande, formando com Leônidas da Silva e Domingos da Guia o trio de ouro do futebol brasileiro.

 

Agora, se quem foi o maior, ele ou argentino Maradona, meto a mão no fogo sem medo de queimar o cotovelo.

 

Estabelecendo que Diego foi mais importante em Mundiais para a Argentina, do que Pelé para o Brasil.

 

Pelé participou de quatro Copas, todavia, só uma inteira, a de 1970, sua última.

 

Enquanto Maradona deu um título à Argentina, em 1986, no México, quando concretizou, frente à Inglaterra, gol mais bonito já havido.

 

Além do vice, quatro anos depois, na Itália, quando os alemães só conseguiram ganhar perante pênalti marcado nos instantes finais.

[FOTO1]

Hoje miamianos Carlos e Romélia Martin (Evando)

 

BOLA PASSADA

Estive na mesma mesa com Pelé, no (ainda registrável) Hotel dos Reis Magos, em Natal, e ele enfrentava melancolia do final de carreira, porém, altaneiramente.

 

Vários assuntos foram abordados, mas, por polidez, evitei trazer o ocorrido no jogo Brasil X França, na Copa de 1958, a única vez em que ele marcou três gols em Mundiais.

 

Só que, seu marcador, Jonquet, estava na enfermaria, tendo se quebrado no final do primeiro tempo e, naquela época, ainda não havia substituição.

Jogador lesionado deixava seu time com dez, aliás, a França jogava melhor que o Brasil, que ganhou seu primeiro título injustamente.

 

ETIQUETA

 

Quando se deve empregar dona ou quando se deve empregar senhora? Dona pede o nome de batismo, enquanto senhora, o de família.

 

Ou, mais acertadamente, o do marido, exemplo, dona Norma e senhora João de Barros ou, simplesmente, porém, pouco usado, senhora Barros.

 

RONDA DOS NATAIS

 

Hoje, sexta, 21 de dezembro: Lúcia Liebmann, mulher de Sérgio... Márcia Távora, que casou sob chuva com Márcio, filho de Edival... Armen Boyadjian, filho nominado do meu inesquecível companheiro de Santa Cruz... Renata Cabral, nora de quem tornou-se mais quente por nos dar o gelo, Zewaldo... Amanhã: Alessandra Aragão, cerimonialista municipal... Marcus Medeiros, produto de belo casamento... Karina Valente, nora da Vera, filha de Acrísio Moreira da Rocha... Domingo, 23: Adrísio Câmara, publicitário... Suetônio Mota, genro mais duradouro do coronel Adauto Bezerra.

 

BON MOT

 

Aqueles que passam por nós não vão sós, deixam um pouco de si, levam um pouco de nós. (Antoine de Saint-Exupéry)

Lúcio Brasileiro

TAGS