PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Nos 21 mundiais...

2018-07-19 01:30:00
NULL
NULL

 

...Por sinal todos que disputou, Brasil sofreu 17 derrotas.

 

Partindo do primeiro jogo, quando enfrentou Iugoslávia 1930, não no Estádio centenário de Montevidéu, que não estava pronto, mas no Parque Central, campo do Peñarol.


Vale salientar que país que mais derrotou seleção, Holanda, três vezes, nunca conseguiu ser campeão, apenas vice.


E único com quem nunca ganhamos nem perdemos, em Copas, a Suíça, empatando duas vezes, aqui mesmo, no Pacaembu, e agora, na Rússia.


Devemos esclarecer que escorrego pra França, na despedida de Telê, no México, não conta como revés, pois foi nos pênaltis, decisão não aceita pelos verdadeiros futebolistas.


Agora, é esperar e catar o sexto título, sendo que dos cinco já obtidos, só dois são indiscutíveis, México e Coreia-Japão.

[FOTO1]

NOTA ALTA EM CIMA


Amigo da coluna pede ressaltar atuação dos comissários que serviram na classe executiva do Paris-Fortaleza última sexta, os senhores Romain e Mikael foram de tal maneira solícitos e cuidadosos fazendo crer aos passageiros que o voo de dez horas da Air France durou bem menos, tal a eficiência do serviço apresentado.


PALMAS NA CADEIA


Soube que Camilo Santana foi aplaudido em Itaitinga quando, ao apresentar os mil novos agentes presidiários, detonou seu plano de beneficiar, através de incentivos, empresas da região que empregarem detentos


REZANDO UNIDA


Colóquio internacional da Estalagem Dois Sertões reuniu clã originariamente do eixo Ipueiras-Quixeramobim, recebendo Silowa e Sabinão, Milena, de Milão, Cacau, de Berlim, e Leonardo, que veio mais modestamente do Recife, onde exerce com proficiência e seriedade Desembargador Federal


VISTOS


No emoldurador Francisco, cardiologista Abdias Rolim, que vem de visitar Escola de Medicina de Padova, que tem mil anos.... Na Estalagem Dois Sertões, Júlia Gurjão,com Alfredo, Bia Carvalho e netas , quer dizer ,três gerações .... Na Rabada da Capitania, pelo menos um estreante, Larry Rabb, neto do inesquecível Paulo carvalho.... No Iate, arquitetos em comunhão, Luiz Fiúza e Ione Felício


BOM MOT


SE A PESSOA NÃO SE PREPAROU PARA DEPOIS DO SUCESSO, É QUASE CERTO QUE SERÁ VÍTIMA DO TÉDIO. (Bertrand Russell)

TAGS