Participamos do

Juazeiro e Fortaleza para fazer negócios

01:30 | Nov. 02, 2018
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

 

Juazeiro do Norte aparece no ranking das 100 cidades mais atrativas para fomentar o desenvolvimento de novos negócios, em avaliação realizada pela Urban Systems. O "Ranking das melhores cidades para fazer negócios" aponta Juazeiro nas posições 89 e 93, quando levado em consideração, de forma respectiva, Capital Humano e Infraestrutura.

 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Em Capital Humano, considerou indicadores sociodemográficos, econômicos e educacionais. Importante, observou não apenas o cenário atual, mas também o futuro.

 

Ao longo dos últimos anos, Juazeiro do Norte conseguiu ir além do polo turístico religioso, em função do Padre Cícero. Hoje, já pode ser considerado um polo acadêmico. Conforme o Anuário do Ceará 2018-2019, com base em dados do MEC, são 14 instituições de ensino superior no Município.

 

A 89ª posição em Capital Humano é ainda mais expressiva tomando por referência 2017. No ano passado, o município não aparecia no ranking. Ao se analisar a Infraestrutura, avaliaram indicadores como transporte, telecomunicações, energia e saneamento básico. A frente do 93º lugar juazeirense (também uma estreia), apenas Fortaleza figura no top 100. A capital está em 29º.

 

O secretário de Desenvolvimento e Inovação (Sedeci), Michel Araújo, está usando o ranking como portfólio. Ele fala na parceria público, privado e academia. O adjunto dele é também presidente da CDL Jovem. Douglas Feitosa destaca a "veia empreendedora" da cidade. Não deixa de ser uma herança de Cícero.

 

ACADEMIA

 

Smart Fit terá novas unidades em 2019

Edgard Corona, o criador e dono da rede de academias Smart Fit, disse à Coluna que pretende abrir em 2019 entre quatro e seis unidades em Fortaleza, depois de inaugurar duas em 2018 e ter renovado maquinário, como faz a cada dois anos. Ele não descarta uma filial da Bio Ritmo, bandeira mais cara do grupo. A propósito, em Fortaleza, com a concorrência da cearense Green Life ("eles são bons") e da Selfit, a baiana com sede em Pernambuco, hoje em 18 cidades do Norte e Nordeste.

 

RODRIGO GALINDO

 

A saúde e educação do CEO da Kroton

Rodrigo Galindo, CEO da gigante da educação Kroton e ganhador do prêmio Empreendedor do ano da EY (Ernst& Young), tem negócios no Ceará. Não apenas na educação, onde opera campi em quatro municípios desde a compra da Faculdade Pitágoras (no Brasil, são 143 unidades e 1 milhão de alunos). Ele também é dono de um pedaço a rede de clínicas populares SIM. À Coluna ele disse: “Em Fortaleza, sou amigo e sócio de meus concorrentes”, riu-se. Ente os sócios, Ari Neto (SAS e Faculdade Ari de Sá) e Carlos Alberto Degas (Fanor).

 

NOVOS MERCADOS

 

Fibras e frutas de Pereiro

José Roberto Nogueira, o homem da Brisanet, a gigante do Interior com cobertura de fibra óptica no Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco, tem uma meta para outro negócio dele, a Nossa Fruta. José Roberto marcou no calendário; em dois anos chega a São Paulo com polpa de fruta e um suco pronto congelado. Fibras e frutas têm sede em Pereiro.

 

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente