Participamos do

Make_up tendência retrô

00:00 | Mar. 25, 2018
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

[FOTO2][FOTO1]
Será preciso você fazer um verdadeiro stop na sua nécessaire, revisitar alguns produtinhos e dar um play para entrar nas tendências em maquiagem para o Outono-inverno 2018 das passarelas internacionais e red carpets. Duvida? Então vamos lá!

ANOS 1960 E 1990 - É um revival da make retrô com a volta do lápis preto aplicado na linha d’água dos cílios inferiores (lembra de Jennifer Lawrence, no Oscar, deste ano?), uma nostalgia anos 1990. Delineador preto e coloridíssimo, numa releitura do clássico delineado gatinho, anos 1960, vem com tudo. Surgiu na passarela de Anna Sui, da Dior e da Prada. E você pode até esfumá-los, fica #tudo.
[QUOTE1]
ANOS 1980 - Veja imagem ao lado, do desfile da Prada, no Paris Fashion Week Fall 2018, que tem até cristais na make. Parece um Carnaval fora de época. Sem falar no multicolorido (passarela da Tibi), muito brilho metalizado e gliter (nos desfiles de Alice McCal e Oscar de la Renta), mix tribal, bem Anos 80. Convenci você?

ANOS 1920 - A marca de cosméticos brasileira BeGlow Make Up aposta ainda no smokey eyes. Uma dramaticidade que vem lá dos anos 1920 que nada mais é do que olhos esfumados. Você pode usar a sombra preta ou marrom, com uma leve puxadinha em direção às pontas das sobrancelhas, fazendo um grafismo. Foi o que vimos nos desfiles de Carolina Herrera, no New York Fashion Week.

COMUM DE TODOS - Seja qual for a sua referência, a pele tem de surgir com cobertura perfeita, mas escolha base e corretivo que deem uma aparência natural, que pareça que você já acordou com a pele linda. E prefira o acabamento glow, pele iluminada. Você pode ganhar esse efeito usando o primer iluminador antes da base, ou só um iluminador mesmo, para criar pontos de luz, no centro da testa, ponta do nariz (#tudo), têmporas e ponta do queixo, na finalização da maquiagem.

 

CUIDADOS_ INDÚSTRIA DA BELEZA 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

[FOTO4] 

EM BUSCA DO CONSUMO CONSCIENTE


Conheça os principais elementos derivados da exploração animal presentes na formulação de cremes, shampoos, sabonetes e maquiagem.
 

Num mundo onde a indústria da beleza tradicional está em plena expansão, quando pesquisa realizada pelo Ibope aponta um aumento do uso diário só de produtos de maquiagem entre mulheres da classe A e B de 69%, em 2003, para 84%, no ano passado, e da classe C um aumento de 52% para 63%, no mesmo período, cresce um movimento em busca de um consumo mais consciente e a busca por produtos de beleza e higiene pessoal ecologicamente corretos.
 

“Encorajamos as pessoas a se familiarizarem com as listas de ingredientes e a conferir a rotulagem dos produtos, já que no Brasil não há nenhum órgão nacional que preste esse tipo de serviço. Isso vai muito além da utilização do leite e do mel pela indústria cosmética”, alerta Patrícia Lima, fundadora da Simple Organic, marca brasileira de cosméticos veganos, orgânicos, naturais e “cruelty-free”, chancelada pela Ecocert e pelo PETA.
 

Esse movimento nos incentiva a identificar nos rótulos e não levarmos para casa produtos de higiene pessoal e maquiagem contendo ingredientes provenientes de sofrimento animal e a não cairmos no “greenwashing” (propaganda enganosa que confere atributos “verdes” que não existem ou não estão comprovados a produtos, serviços ou marcas).
 

“Proteínas (colágeno, colágeno hidrolisado, gelatinas e alguns aminoácidos isolados), lanolinas puras, acetiladas ou etoxiladas e ésteres derivados do sebo animal são alguns dos exemplos mais comumente utilizados na indústria tradicional”, enumera a especialista em beleza natural.
 

Patrícia garante que é possível substituir ingredientes animais por vegetais e orgânicos sem perder em sensorialidade, espalhabilidade, emoliência, lubrificidade, oleosidade, consistência, estabilidade, pigmentação, duração e validade dos produtos. “Não entendo como marcas se dizem “cruelty-free”, ou seja, que não realizam testes em animais, e utilizam ingredientes de origem animal na composição de seus cosméticos”, indigna-se a especialista.  

 

[FOTO3] 

LANÇAMENTO
 

GUERLAIN_ Uma ode ao feminino, numa versão generosa, ensolarada, repleta de energia e amor, inspirada na atriz Angelina Jolie. Essa é a proposta da nova fragrância da Guerlain, a Mon Guerlain, que conferimos, em primeira mão, numa apresentação à Imprensa, no último dia 15, em São Paulo.
 

A maquiadora da marca, Gisele Magatti, diz que o perfume que será lançado, em maio, tem propriedades afrodisíacas, num mix de peônias e jasmim que faz o Mon Guerlain ideal para a mulher romântica e decidida. Uma excelente pedida para noivinhas que pretendem casar de dia, pois o aroma é marcante, porém suave.
 

SERVIÇO
 

Mon Guerlain Florale
 

(R$ 199 - 30ml / R$ 299 - 50ml / R$ 485 - 100ml).
A novidade estará à venda, nas lojas físicas e online, da Sephora, a partir de maio.  

 

VITRINE_
 

MAKE PARA TODOS OS ESTILOS
MAQUIAGEM MINIMALISTA
 

Lábios nudes se destacam na make quase nada de blush ou máscara de cílios. 

 

OPÇÃO:
 

Lip Gloss Namored Hi-Shine cor 310, de Marc Jacobs.
 

CÍLIOS LONGOS
 

Mais destaque ao comprimento do que ao volume. OPÇÃO: Duo Máscara de Cílios Perfect Doll (R$ 49,90), do Boticário. Inspirado na cantora Anitta, 2 em 

1, promete cílios mais alongados e com 8x mais volume
 

EFEITO GLOW
 

Pontos de iluminador estrategicamente pensados, combinados com uma pele hidratada. OPÇÃO: Primer Glow Radiance (R$ 61), da Natura.
 

SMOKEY EYES
 

O esfumado traz dramaticidade à make. Pode ser feito com sombra preta ou marrom. OPÇÃO: Palette Eyeshadow The Nudes, da Maybelline.
 

EFEITOS TRIBAIS
 

Delineadores coloridos chamam a atenção. São aplicados apenas nas pálpebras móveis superiores ou em todo o contorno dos olhos. OPÇÃO: Lápis Color Show Liner, da Maybelline.
 

OLHO PRETO
 

O efeito gótico pode potencializar a tendência smokey eye com um batom vermelho escuro. OPÇÃO: Delineador Magic Marcer cor Blacquer Open, de Marc Jacobs.


BATOM VERMELHO ESCURO
 

Uma combinação perfeita com olho esfumado e lápis aplicado na linha d’água dos olhos, bem 90’S. OPÇÃO: Batom Líquido Matte Shaker cor 374, de Lancôme.
 

BOCA CORADA
 

Um ar do minimalismo, que prima por um rosto natural e saudável. OPÇÃO: Corante Líquido-gel Gogotint (R$ 165), da Benefit Cosmetics. Para corar lábios e bochechas. Na Sephora.
 

SOBRANCELHAS NATURAIS
 

Sobrancelhas naturais e bem espessas. OPÇÃO: Ka-brow! (R$ 129), da Benefit Cosmetics. sac@lvmh.com.br 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente